Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 31-03-2024
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 31-01-2024

    SECÇÃO: Desporto


    FUTEBOL

    Ermesinde 1936 encurta distância para os lugares de subida de divisão

    foto
    Ao vencer o Vilarinho por 1-0, em jogo da 21.ª jornada da Série 2 da Divisão de Elite, o Ermesinde 1936 aproximou-se dos lugares de subida, ou pelo menos da 2.ª posição, que é precisamente ocupada pelo seu adversário desta última ronda de janeiro, disputada no dia 27. Em termos classificativos, os ermesindistas ocupam o 4.º lugar, com 39 pontos, agora menos três que o segundo colocado, o Vilarinho.

    Em relação ao jogo (nas imagens) ante o conjunto oriundo do concelho de Santo Tirso, há a dizer que se assistiu a uma primeira parte equilibrada e até foi a formação visitante, que vinha de duas derrotas consecutivas, a chegar com mais perigo à baliza adversária, fazendo, num dos seus lances ofensivos, pouco antes do intervalo (aos 43’), a bola embater na trave da baliza guardada por Brandão. No reatamento, com a substituição de dois jogadores na equipa da casa, esta tornou-se mais ofensiva e, aos 50 minutos, o Ermesinde 1936 lograria marcar o único golo do jogo, por intermédio de Luís Costa, que através de um remate bem colocado pôs a bola no fundo da baliza do guardião Bruno, que nada pôde fazer para o evitar. Apesar de ter havido demasiadas faltas, houve bons momentos de futebol e compareceu bastante público no estádio. O jogo ganhou vivacidade nos últimos minutos com o Vilarinho a tentar pontuar, o que acabaria por não acontecer.

    As equipas alinharam da seguinte maneira: Ermesinde 1936: Brandão, Rúben Gonçalo, Marcelo, Pepe, Tomás, Edgar (Romário, 46), André Rocha (Nuno Herdeiro, 74), Luís Costa, Carlitos (Duarte, 46; Titi, 90+2) Diogo Cunha (João Ribeiro, 86) e Bruno Silva.

    Treinador Vítor Leal.

    foto
    Vilarinho: Bruno, Vitolo (Nuno, 79’), Pedroso, Ricardo Neto, Marquinho (Carlos Gomes, 79’), Celso Mota, Jonas, Pinto, Marcelo (Rui, 56), Luís Rebelo e Lipe (Fofana, 72’). Treinador Nélson Costa.

    Na semana anterior, no dia 21, o Ermesinde 1936 sofreu a derrota mais pesada da temporada até ao momento: 5-1 na visita ao reduto do Lixa. Ao intervalo os ermesindistas já perdiam por 3-0, de nada valendo o tento de honra de Bruno Silva a sensivelmente 20 minutos do final de uma partida onde os dois conjuntos alinharam da seguinte maneira: Lixa: Nico, Fábio Teixeira (Jorge Azevedo, 54), Babo, Costa Pinto, Rodrigo, Mané, Pedro Pinto, João Leite, (Alex Monteiro, 46) Abraham, Korta (Mauro, 76), e Cleiton (Rui Filipe, 70). Treinador: Rúben Moreira.

    Ermesinde 1936: Brandão, Rúben Gonçalo (João Dias, 72), Pedro Castro, Pepe, Tomás (Duarte, 72), Romário, Edgar (André Rocha, 63), Luís Costa, Carlitos, Herdeiro (Titi, 72), e Bruno Silva. Treinador: Vítor Leal.

    No dia 14 de janeiro a turma verde-e-branca recebeu o Vila Caiz, em partida da 19.ª jornada, tendo vencido por concludentes 3-0. Herdeiro abriu o marcador ao minuto 20, para ainda antes do descanso Bruno Silva ampliar a vantagem. Quase em cima do minuto 90 Carlitos fechou a contagem. As equipas alinharam da seguinte forma: Ermesinde 1936: Brandão, Rúben Gonçalo, Pedro Castro, Pepe, Marcelo, Tomás, Romário (Titi, 86), Luís Costa (João Dias, 35), Diogo Cunha, Herdeiro (Carlitos, 80), e Bruno Silva (Edgar, 86). Treinador: Vítor Leal.

    Vila Caiz: Rúben, Carlos, João André (Camará, 46), Diogo Queiroz (Ibrahima, 46), Pedro Alves, Migas (Gustavo, 81), Moura (Carlos Mendes, 81), Vítor (Garcês, 46), Lula, Dani, e Embolo. Treinador: Lourenço Freitas.

    E o novo ano civil começou com um dérbi concelhio. No Estádio do Calvário, na sede do concelho a 7 de janeiro, mediram forças Valonguense e Ermesinde 1936 no âmbito da 18.ª ronda, tendo o resultado final cifrando-se num empate a uma bola. João Alves adiantou os da casa no tempo de compensação da primeira metade, na conversão de uma grande penalidade, ao passo que Herdeiro repôs a igualdade aos 67 minutos de uma partida onde as equipas alinharam com: Valonguense: Miguel Silva, Zé Pedro, Fonseca (Mika, 88), Dio, João Alves, Hugo Freitas (Nivaldo Co, 69), Fábio Fonseca, Rui Pimenta (Lucas Sousa, 69), Mourão, Gustavo (Xavica, 30), e Rafa Silva. Treinador: Jorge Palheira.

    Ermesinde 1936: Brandão, Rúben Gonçalo, Pedro Castro, Pepe, André Ribeiro (Carlitos, 63), Tomás, Romário, André Rocha (Herdeiro, 46), Luís Costa, Diogo Cunha (Duarte, 90+4), e Bruno Silva (Edgar, 89). Treinador: Vítor Leal.

     

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: [email protected].