Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 31-03-2021
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 15-03-2006

    SECÇÃO: Destaque


    Foto Arquivo MANUEL VALDREZ
    Foto Arquivo MANUEL VALDREZ
    REUNIÃO DA CÂMARA MUNICIPAL DE VALONGO

    Escolas do concelho no centro das atenções

    Ainda no período destinado à intervenção dos membros do Executivo, os vereadores socialistas colocaram em cima da mesa alguns assuntos desagradáveis com os quais algumas das escolas do concelho valonguense se deparam presentemente. O primeiro deles, apresentado por António Gomes, dá conta da grave situação de insegurança em que vive a comunidade estudantil da Escola Secundária de Ermesinde. Estabelecimento de ensino este onde o número de assaltos a alunos tem aumentado de dia para dia, e onde o policiamento tem sido, segundo Gomes, praticamente nulo. É caso para dizer, onde é que pára a polícia? Perante isto, o vereador socialista propôs que a CMV se mobilizasse no sentido de o mais breve possível marcar uma reunião com o Comando Distrital da Polícia de Segurança Pública (PSP) com vista ao reforço de policiamento no local. Apesar de até então desconhecer a situação, Fernando Melo ao tomar conhecimento da mesma mostrou-se de imediato extremamente preocupado, frisando seguidamente que irão ser tomadas todas as medidas junto do Comando Distrital da PSP para que se possa resolver este problema. O mesmo António Gomes questionou o edil de Valongo para quando a construção da nova escola EB 2,3 de S. Lourenço, um projecto que esteve já no PIDDAC, e que vai sendo adiado constantemente. Na resposta a esta questão, Melo referiu que todos os projectos que visavam a construção de escolas prescritos em PIDDAC foram suspensos, tendo o presidente acrescentado ainda que a questão para o porquê destas suspensões foi já por várias vezes colocada pela autarquia valonguense junto dos devidos órgãos estaduais que regem este domínio, sendo, no entanto, que até hoje essa resposta ainda não foi vislumbrada.

    A CARTA EDUCATIVA

    Quem aproveitou igualmente o tema “escolas” foi Maria José Azevedo, que trouxe até esta sessão duas questões subordinadas a este tema. A primeira delas foi no sentido de apurar para quando a conclusão do projecto da Carta Educativa do concelho, sendo que a segunda se referia à situação da inexistência de rede sanitária na Escola Nova do Susão (escola esta que se encontra sob o domínio da CMV), querendo a vereadora saber para quando a resolução deste problema. Como resposta à primeira questão colocada pela vereadora, Melo informou que a Carta Educativa do concelho está neste momento a ser elaborada, e que ainda não foi concluída pelo facto de ser um projecto que engloba muito gente e que por isso demora algum tempo a estar elaborado. Em relação à segunda questão, Fernando Melo “passou a bola” ao vereador que tutela o pelouro a que dizem respeito estes assuntos, Mário Duarte, para que este pudesse informar que a falta de uma rede sanitária no referido estabelecimento escolar tem os dias contados. Isto porque a Câmara tem prevista para muito em breve o início da construção de redes sanitárias em todas as escolas do concelho onde elas ainda não existam, sendo que a Escola Nova do Susão irá ser o primeiro estabelecimento de ensino a ser contemplado com esta infraestrutura. O assunto em torno da “escola”, ou neste último caso, em volta da temática Educação, voltaria a merecer atenções no período destinado à Ordem do Dia. Altura em que os vereadores do PS voltariam a questionar a Câmara sobre um dos pontos inscritos na Ordem de Trabalhos, o qual se referia a “Bolsas de Alfabetização”, querendo os socialistas saber mais pormenores sobre este ponto. Melo explicou então que este é um projecto que foi criado no mandato anterior, e que teve como grande impulsionadora a então vereadora do pelouro da Acção Social Maria Trindade Vale. Projecto este que se destina à educação de adultos com poucos recursos financeiros que queiram frequentar os 1º e 2º ciclos do ensino recorrente.

    Por: MB

     

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.