Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 31-07-2019
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 15-06-2005

    SECÇÃO: Local


    Centro de Saúde de Ermesinde viveu um dia diferente

    Foto Miguel Barros
    Foto Miguel Barros
    À semelhança do que se passou um pouco por toda a cidade, também o Centro de Saúde de Ermesinde (CSE) não ficou alheio às comemorações do Dia Mundial da Criança.

    Aproveitando a presença dos alunos do 4º ano da Escola Superior de Enfermagem de Santa Maria (ESESM), que aqui se encontram a estagiar, o CSE viveu um dia diferente da sua rotina habitual. O ambiente alegre e colorido tomou conta de um local que normalmente é olhado pelos mais novos com algum medo, ou não fosse este o sitio onde vão levar as tão dolorosas “picas”. Com esta iniciativa, organizada conjuntamente pelos alunos da ESESM (na foto) e pelo CSE, não só se pretendeu comemorar com todas as crianças que naquele dia se deslocavam às consultas médicas esta data tão especial, como também promover junto delas os cuidados necessários para terem uma boa saúde, com especial destaque para a prevenção da obesidade infantil. Diga-se, aliás, que este é um tema que nos últimos tempos tem vindo a ser alvo de um estudo intenso por parte do CSE, estando neste momento a ser desenvolvido um projecto no âmbito desta temática que se iniciou desde o mês de Abril e que terá a sua conclusão lá mais para o fim do ano.

    O Dia Mundial da Criança foi, pois, mais uma oportunidade de prevenir esta doença junto da comunidade infantil. Para além das brincadeiras, dos balões, dos desenhos, e das palhaçadas protagonizadas pelo palhaço de serviço, os alunos da ESESM também ofereceram – sob o lema “Aprende a comer para seres forte e saudável – a todas as crianças um kit-saco, com um lanche saudável.

    Este lanche englobava uma garrafa de água, fruta, e bolacha (composta na sua maioria por manteiga e com pouco açúcar), ingredientes estes ricos em vitaminas, hidratos de carbono e frutose, três parâmetros fundamentais para uma alimentação saudável. «Este é um lanche equilibrado, bem diferente da comida de “plástico” que os miúdos estão habituados a comer, repleta de gorduras e açúcares. Comida esta que até pode ser bem mais saborosa do que este lanche que aqui estamos a dar hoje, mas que não beneficia em nada a saúde das crianças.

    E é precisamente isso que estamos aqui a transmitir-lhes, ou seja, sobre os riscos que correm ao fazer uma alimentação não saudável, como também a informá-los sobre o que devem comer para crescerem fortes e saudáveis», frisaram os futuros enfermeiros.

    Por: Miguel Barros

     

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.