Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 31-05-2019
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 15-03-2005

    SECÇÃO: Desporto


    FUTEBOL – CAMPEONATO NACIONAL DA 3ª DIVISÃO – SÉRIE B

    A luta continua...

    O Ermesinde continua a sua luta pela manutenção de forma brava. Na jornada 24 a equipa de Sonhos recebeu e bateu o Rio Tinto por 2-1, mas na jornada seguinte não foi feliz na deslocação a Vila Real, acabando por ser derrotado por 5-3. Apesar desta derrota, a equipa do Ermesinde continua acima da linha de água.

    DERROTA EM VILA REAL...

    Em jogo a contar para a jornada 25, o Ermesinde deslocou-se ao terreno do Vila Real, com desejo de pontuar, mas acabou por sair vergado a uma derrota por 5-3, num jogo de grande emoção e inconstância no marcador.

    O Ermesinde entrou contudo praticamente a perder, uma vez que Rodrigo inaugurou o marcador logo ao terceiro minuto de jogo. Contudo, o Ermesinde não baixou os braços, e apenas 5 minutos passavam do golo dos visitantes, quando Quim iguala o encontro. A partida estava muito viva e ofensiva, de tal forma que Rodrigo bisa e faz 2-1 para o Vila Real, decorridos que estavam apenas 17 minutos de jogo, para o Ermesinde voltar a empatar o encontro volvidos apenas 4 minutos. A emoção aumentava, e estes quatro golos obtidos em apenas 21 minutos demonstraram que em campo estavam dois conjuntos que tinham a vitória como único pensamento. Seguidamente o encontro entrou numa toada mais calma, mas Rodrigo ainda teve oportunidade de efectuar um hat-trick, levando a equipa do Vila Real para as cabines a vencer por 3-2. Na segunda parte o Ermesinde partiu em busca do golo do empate, mas não havia forma de o conseguir. O impulso ofensivo do Ermesinde acentuou-se a partir do minuto 67, altura em que Ferraz vê o segundo cartão amarelo e é expulso, situação que tornou a equipa de Sonhos ainda mais ofensiva. No entanto, o Vila Real aproveitou esse balanceamento do Ermesinde para aproveitar o contra ataque e chegaria ao 4-2 ao minuto 78, por intermédio de Luisinho. Com uma rapidez impressionante a responder aos golos do seu adversário, excepção apenas feita ao terceiro golo contrário, o Ermesinde reduz para 4-3 ao minuto 80, mas já não foi capaz de atingir o empate, acabando mesmo por sofrer o quinto golo a 4 minutos do final do tempo regulamentar, numa altura em que desesperava atrás do golo que lhe permitiria empatar o jogo, num encontro emocionante, com muitos golos e sempre disputado com enorme vocação ofensiva, resumido a um excelente espectáculo desportivo.

    Apesar da derrota, a equipa do Ermesinde depende apenas de si própria para alcançar a manutenção, tendo já na próxima jornada um teste importante, uma vez que recebe no seu estádio o Famalicão, actual segundo classificado da prova. A luta pela fuga ao último lugar que confere a despromoção está ao rubro, uma vez que Ermesinde, Padroense e Pedrouços estão separados por apenas um ponto entre si, com vantagem para a equipa ermesindense. Vamos aguardar, mas a luta promete...

    Foto Manuel Valdrez
    Foto Manuel Valdrez

    ...MAS VITÓRIA CONTRA O RIO TINTO

    O Ermesinde entrava para este jogo com a necessidade imperiosa de vencer, uma vez que em caso de derrota desceria para uma posição mais incómoda na tabela classificativa. Mostrando desde logo os seus intentos, a equipa ermesindense entrou com forte ambição em busca da vitória, que acabaria por surgir, por 2-1. Com esta vitória, o Ermesinde viu a sua situação não se complicar, pois a luta pela manutenção continua acesa e totalmente imprevisível.

    Por: Pedro Barros

     

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.