Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 31-01-2024
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 30-11-2022

    SECÇÃO: Saúde


    foto

    MEDICINA DE A a Z (Continuação)

    ALÁRIA

    Doença infeciosa transmitida por um parasita (Plasmodium) inoculado no organismo da pessoa pela picada do mosquito Anopheles. É uma doença endémica de África, ataca os glóbulos vermelhos do sangue e causa grande mortalidade se não for devidamente tratada com antibióticos adequados. Para quem visita certas regiões de África, a prevenção da malária é obrigatória, com determinada antecedência, para o que existe, em diversos locais, a Consulta do Viajante. Portugal é líder mundial na investigação de novos tratamentos e preventivos (vacinas) para a Malária.

    MAMA (Palpação da)

    Toda a mulher, desde a adolescência, deve ser ensinada a palpar a sua própria mama na procura de anomalias, nomeadamente nódulos ou sensibilidades anormais. Deve ser realizada uma vez por mês e logo após ou durante o período menstrual, altura em que a mama não está estimulada pelo ciclo hormonal normal da mulher. Nessa altura a mama pode ser palpada com mais facilidade. Idealmente deverá ser durante o banho, pois o sabonete e a água facilitam a palpação e aumentam a sensibilidade das mãos. Muitas neoplasias da mama aparecem em idades relativamente jovens, para quem ainda não está indicada a mamografia (ver abaixo). E o sinal principal é um nódulo (papo) na mama, ou uma dor localizada. Nestas idades o exame de eleição para o estudo seguinte é a ecografia mamária, mas é demasiado caro para ser utilizado por todas as mulheres, mesmo que fosse uma vez por ano. E estas neoplasias aparecem de repente. Num mês não se tem nada, no mês seguinte palpa-se um nódulo.

    foto

    MAMOGRAFIA

    Técnica de radiologia que permite estudar a mama feminina, como rastreio do cancro da mama a partir dos 40 anos de idade. Não deve ser utilizada em idades mais baixas. Para se realizar a mamografia, a mama deve ser ligeiramente apertada entre duas lâminas de plástico rígido transparente, o que é doloroso e virtualmente impossível numa mama jovem. Trata-se duma técnica simples e praticamente sem desconforto que consegue diagnosticar a maioria dos cancros da mama em fase pré-clínica, isto é, antes de provocar qualquer sintoma. Há variados cancros da mama, alguns dos quais em idades mais jovens. Mas o cancro da mama que se estuda por mamografia é principalmente o cancro da mulher pós menopáusica, isto é, da mulher que já deixou de ter menstruações regulares. Para os cancros da mama em idades mais jovens o único rastreio disponível e acessível é a palpação mamária (ver acima).

    MANIA

    (...)

    leia este artigo na íntegra na edição impressa.

    Nota: Desde há algum tempo que o jornal "A Voz de Ermesinde" permite aos seus leitores a opção pela edição digital do jornal. Trata-se de uma opção bastante mais acessível, 6,00 euros por ano, o que dá direito a receber, pontualmente, via e-mail a edição completa (igual à edição impressa, página a página, e diferente do jornal online) em formato PDF. Se esta for a sua escolha, efetue o pagamento (de acordo com as mesmas orientações existentes na assinatura do jornal impresso) e envie para o nosso endereço eletrónico (avozdeermesinde@gmail.com) o nome, o NIF e o seu endereço eletrónico para lhe serem enviadas ao longo do ano, por e-mail, as 12 edições do jornal em PDF.

    Mas se preferir a edição em papel receba comodamente o Jornal em sua casa pelo período de 1 ano (12 números) pela quantia de 12,00 euros.

    Em ambos os casos o NIB para a transferência é o seguinte: 0036 0090 99100069476 62

    Posteriormente deverá enviar para o nosso endereço eletrónico (avozdeermesinde@gmail.com) o comprovativo de pagamento, o seu nome, a sua morada e o NIF.

    José Campos Garcia*

    *Médico

     

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.