Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 30-11-2022
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 31-12-2021

    SECÇÃO: Local


    CARTAS AO DIRETOR

    Suas excelências os cãezinhos da moda

    foto
    Se está a pensar que sou anti cãozinho, está enganado. Se pensar que estou zangado com alguns idiotas de donos, acertou. Há quem se saiba comportar civicamente ao passear o seu cãozinho de estimação, mas é aos incivilizados a quem me vou referir e enviar algumas fotos comprovativas. O cerne da questão é: 1º tenho confirmado quem passeia o seu animal, mesmo com a trela; a maioria sempre que o bicho lhe apetece urinar, nos equipamentos públicos ou não, (nas rodas dos automóveis; na relva dos jardins; ou mesmo canteiros de flores etc.) logo lhe dão trela para este despejar o precioso líquido (ácido que tudo destrói). Curioso, nunca vi o cãozito fazer as necessidades nos sapatos dos donos. Mas mais repugnante é ver que alguns destes caridosos amigos do ambiente têm os seus animais treinados para defecarem em cima da relva dos jardins! Não os vejo uma vez por acaso, mas é sistémico e o meu local de observação é o jardim junto do cemitério nº1 e o parque ajardinado frente à Igreja Matriz. São bichinhos de pequeno e médio porte. Mas aqui tenho uma ressalva, todos os que tenho observado ao longo de meses nesta civilizada ação, os donos apanham civilizadamente os dejetos. Apenas faço esta pergunta: se os animais e donos podem impunemente passear-se por cima dos jardins e relvas eu não posso, nem devo (correto).Também há quem coloque o seu animal em cima dos bancos públicos, quem se senta a seguir, logo fica com a fatiota suja; já chamei a atenção: resultado? Fui insultado. Mas perante as evidencias; SINTO-ME TRATADO ABAIXO DE CÃO, por quem devia ter mais um pouco de atenção por estes desmandos. Se falarmos de tanta caca de cão por tudo que é passeio público, pronto estamos conversados. Quando for necessário substituir o mobiliário metálico público podre pela chichizada todos pagamos nem que seja mais uma taxinha.

    JOÃO DIAS

    CARRILHO - C.C. 45 45 02

     

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.