Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 31-07-2020
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 31-03-2020

    SECÇÃO: Desporto


    POLO AQUÁTICO

    CPN encerra 1.ª fase em posição de apuramento para fase final mas aguarda decisão federativa para poder festejar

    foto
    O CPN encerrou com "chave de ouro", o mesmo será dizer com uma vitória, a 1.ª fase/Norte do Campeonato Nacional A2 Masculino de polo aquático.

    Em jogo alusivo à 14.ª jornada - realizada no dia 8 de março - a turma ermesindense recebeu e venceu o CDUP por 17-8 (com os parciais de 4-1/5-2/3-4/5-1).

    Foi um jogo que teve um início de certa forma pautado pelo equilíbrio, mas onde aos poucos os cepeenistas se foram superiorizando ao adversário e consequentemente foram cavando uma vantagem considerável no marcador. Vantagem essa que nunca esteve em risco, mesmo no 3.º período, altura em que o CDUP reagiu e chegou a encurtar distâncias para os locais. Contudo, o 4.º e derradeiro período dos cepeenistas foi avassalador, o que dissipou desde logo todas as dúvidas, se é que as havia, sobre quem seria o vencedor deste jogo inserido na última jornada da 1.ª fase/norte do Campeonato Nacional A2 Masculino.

    Os golos do CPN neste encontro foram da autoria de David Silva (3 golos), Bruno Martins (1 golo), Rúben Relva (3 golos), João Lopes (3 golos), João Neves (1 golo), Filipe Fernandes (1 golo), Mário Lisboa (1 golo), Gonçalo Torres (3 golos) e João Machado (1 golo).

    Este triunfo permitiu aos cepeenistas manterem o 3.º lugar da classificação, último lugar que dá acesso à fase de apuramento de campeão/subida de divisão, ou fase final, como lhe queiram chamar.

    Contudo, o CPN tem por esta altura um jogo em atraso, precisamente ante o seu principal rival na luta pela qualificação para essa 2.ª fase, o Vitória Sport Clube (de Guimarães) B.

    foto
    Esse jogo era para ter sido disputado no dia 1 de março, mas um corte de energia (devido ao temporal que então assolou aquela região) no Complexo de Piscinas de Guimarães fez com que a partida tivesse de ser adiada para uma data posterior, tendo os clubes acordado jogar no sábado seguinte.

    Porém, a falta de árbitros para a hora da nova data marcada e a posterior indisponibilidade da piscina na hora sugerida pela Federação Portuguesa de Natação (FPN) fez com que este decisivo encontro não se realizasse.

    Assim sendo, aguarda-se uma decisão da FPN para definir quem acompanha o Fluvial B e o Paredes B à fase de apuramento de campeão/subida de divisão. Sendo que a dúvida neste momento passa ou pelo agendamento de uma nova data para a realização do jogo, ou não realizar o jogo e aplicar uma derrota às duas equipas por falta de comparência, sendo que esta última hipótese (que figura no regulamento federativo) iria favorecer o CPN, que neste momento está com mais dois pontos que os vimaranenses na tabela classificativa, isto é, os cepeenistas somam 27 pontos ao passo que os vimaranenses contabilizam 25.

    Porém, esta decisão ficou em stand-by, atendendo ao Covid-19. A FPN emitiu a 13 de março um comunicado onde decidiu suspender todas as suas competições nacionais até ao dia 15 de abril, indo assim ao encontro das orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e da Direção-Geral de Saúde (DGS), relativamente à pandemia provocada pelo vírus.

    Nota: Todos os resultados e classificações da 1.ª fase/norte do Campeonato Nacional A2 Masculino podem ser consultados no nosso site, acedendo ao link “Resultados Desportivos”.

    Por: MB

     

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.