Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 31-07-2019
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 28-02-2019

    SECÇÃO: Destaque


    10.º ANIVERSÁRIO DOS CABEÇAS NO AR E PÉS NA TERRA

    O jogo do humor através da forma como se diz e se escreve

    foto
    Criatividade e boa disposição foram ingredientes que sobressaíram na segunda noite - 15 de fevereiro - festiva. E tudo teve início com a exibição da primeiras das três peças de teatro que integraram o programa de comemorações do 10.º aniversário dos Cabeças: “Muito Riso, Muito Siso”. Levada ao palco pela mão da Associação Cultural D’ Orfeu (sediada em Águeda); este foi «um espetáculo que comprovou a capacidade de muitos textos da literatura lusófona em dizer grandes coisas, nem sempre com as palavras mais sérias e formais», de acordo com a sinopse da peça.

    Em suma, foi um espetáculo que nos trouxe as palavras de inúmeros e consagrados autores lusófonos não de um modo sério e formal mas antes descontraído e divertido. E para isso muito contribuiu a magnífica performance - em nossa opinião - do ator que protagonizou este trabalho, Luís Fernandes. Sozinho em palco, vestindo a pele de “músico-diseur” deu vida a vários textos humorísticos de grandes vultos da literatura de expressão portuguesa (como Mia Couto, Mário Henrique Leiria, Augusto Baptista, ou Luís Fernando Veríssimo). Numa constante interação humorística com o público o ator conseguiu construir uma divertida “triangulação”:músico-poético-teatral.

    Por: MB

     

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.