Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 30-11-2022
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 31-01-2009

    SECÇÃO: Destaque


    Deputado bloquista João Semedo visitou Unidade de Saúde Familiar de Alfena

    Foto MANUEL VALDREZ
    Foto MANUEL VALDREZ
    Na semana que antecedeu o acto eleitoral em Alfena – mais concretamente no dia 19 de Janeiro - uma delegação do Bloco de Esquerda (BE) encabeçada pelo deputado da Assembleia da República (AR) João Semedo visitou as instalações da Unidade de Saúde Familiar (USF) da citada freguesia.

    Enquadrada na campanha eleitoral do partido a visita focou essencialmente dois pontos, conforme nos foi dito no final da mesma pelo deputado da AR, em primeiro apurar se os resultados deste novo modelo no âmbito da reforma dos cuidados de saúde primários satisfazem quer utentes quer profissionais de saúde, em segundo sublinhar a necessidade de uma colaboração mais directa entre o poder autárquico – neste caso a Junta de Freguesia de Alfena (JFA) – e a USF. «Esta é uma colaboração fundamental a ser introduzida na dinâmica local, pois ela pode com maior facilidade elevar os níveis de educação da população para com as questões de saúde.

    Cooperação que deveria ser alargada a outros agentes que hoje têm uma visão mais moderna da problemática da saúde, casos das escolas ou das instituições de cariz social que têm uma intervenção mais ou menos directa nesta questão.

    CRÍTICAS

    AO GOVERNO

    Deste modo, vimos aqui sinalizar o facto de que seria muito importante a próxima JFA pudesse iniciar um novo tipo de relação com a unidade de saúde local», frisaria Semedo que se fez acompanhar pelo então cabeça-de-lista do BE à JFA, Carlos Basto, e do seu mandatário Luís Santos.

    Em relação à primeira razão desta visita – Carlos Valente, Director do Centro de Saúde Ermesinde/Alfena fez as honras da casa na recepção aos bloquistas - João Semedo lançaria ainda algumas críticas ao Governo no sentido de que este tem sido muito lento no apoio à construção de USF.

    «As respostas que obtivemos hoje na unidade de saúde de Alfena não são muito diferentes das que já ouvímos noutras visitas efectuadas a outros locais.

    Ou seja, este novo modelo de saúde pode dar muito bom resultado, e o que nós criticamos não é o modelo em si mas sim a lentidão com que o Governo tem apoiado a construção de novas unidades. Lembro que o Governo traçou como meta ter 200 USF a funcionar em 2007, só que estamos já em 2009 e só existem 160 estão em funcionamento!».

    Por: Miguel Barros

     

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.