Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 28-02-2021
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 20-12-2008

    SECÇÃO: Destaque


    MUITA ANIMAÇÃO NO JANTAR DE NATAL DO CENTRO SOCIAL...

    Uma outra noite feliz!

    O jantar e convívio de Natal do Centro Social de Ermesinde realizou-se este ano na sala do refeitório do Lar de S. Lourenço, tendo tido lugar posteriormente à habitual hora de refeição dos idosos. Foi na noite de quarta-feira, dia 17 de Dezembro, e juntou ali membros dos corpos sociais, voluntários, colaboradores e funcionários da instituição que, em clima de boa disposição, festejaram o encontro uns com os outros.

    A dar início o evento, o presidente da Direcção, Alberto Carvalho, fez uma saudação a todos os presentes e ausentes, invocando o espírito original da festa religiosa do Natal e manifestando, em seu nome e no da Direcção, o reconhecimento pelo trabalho feito.

    Fotos MANUEL VALDREZ
    Fotos MANUEL VALDREZ
    Alberto Carvalho anunciou aí que, embora fosse justo a atribuição de um prémio a todos, na impossibilidade de tal se concretizar, queria, de uma maneira simbólica, presentear um trabalhador, «o melhor trabalhador», aquele que, por escolha dos colegas, fosse considerado merecedor de tal distinção. Para tal, os trabalhadores presentes iriam introduzir numa urna de voto o nome do escolhido (ou da escolhida), advertindo que não se poderia, apenas, votar nas chefias, pedindo ainda a estas que não se melindrassem com a escolha que foi feita. O prémio era também simbólico, anunciou Alberto Carvalho.

    O prsidente da Direcção do Centro Social anunciou depois que, recentemente a instituição tinha acolhido no seu seio pessoas vindas de outras culturas, em busca de uma vida mais digna e, lembrando as dificuldades passadas por muitos portugueses que tiveram também de partir para longe do seu país de origem em busca de uma vida melhor, congratulou-se que agora o Centro Social pudesse corresponder de forma solidária para com essas pessoas. E na sequência destas palavras, solicitou a que a mais recente trabalhadora imigrada do Centro Social, Halyna Denkovich, cortasse e entregasse a primeira fatia de bolo à trabalhadora mais antiga da instituição, Lucinda Pereira, simbolizando desta forma o espírito solidário e universal da confraternização.

    Fotos URSULA ZANGGER
    Fotos URSULA ZANGGER
    No decurso do jantar, que foi volante, foi-se votando numa urna colocada à entrada do salão, tendo-se, por fim, contados os votos, feito o anúncio do que foi considerado o «melhor trabalhador». A escolha recaiu sobre António Cardoso Caetano («o Sr. António», como é conhecido, há muitos anos motorista do Centro Social, trabalhador sempre esforçado e disponível, como todos bem o sabem).

    António Caetano agradeceu comovido a homenagem prestada, envolvendo neste agradecimento a Direcção e todos os colegas e desejando Bom Natal a toda a gente.

    Animadas e animados com o calor da celebração, houve ainda lugar a um pezinho de dança, que revelou, sobretudo, praticantes exímias. E fizeram-se rodas, cordões e... para o ano há mais.

    Ah!, é verdade, ouvimos dizer que o Sr. António ia viajar, sabe-se lá para que destino. Mas que não haja invejosos, está bem?

    Por: LC

     

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.