Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 30-11-2019
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 15-02-2007

    SECÇÃO: Local


    CARTAS AO DIRECTOR

    ... Mais algumas lacunas da cidade de Ermesinde

    Venho por este meio mais uma vez denunciar algumas lacunas existentes no concelho onde pertenço e mais propriamente na freguesia onde habito (Ermesinde)…

    Já algum tempo atrás denunciei aqui neste jornal alguma pechas que a cidade de Ermesinde tinha a nível de alguns serviços públicos, nomeadamente a falta de ecopontos que melhorou mas ainda não é suficiente, a falta de moloks essa sim insuficiente e ainda a falta de caixotes de lixo, pois os poucos (são mesmo poucos acreditem) existentes, com o vandalismo vão desaparecendo e não são recolocados pela Junta ou Câmara Local…!!! A regularidade de limpeza dos Ecopontos é péssima por vezes passamos pela cidade e é só vê-los…cheiinhos até à rolha…é lindo…

    Os veículos abandonados também fazem parte do desleixo desta cidade, mais que muitos e por vezes alguns são arrumados à custa das denúncias deste jornal ou de particulares…eu pergunto: a PSP local ao passar por um veículo em nítido abandono não pode proceder à sua denúncia?? A Autarquia não terá alguém que verifique e regule estas situações ??? Vamos assobiando para o ar…

    A falta de marcos de correio nalgumas zonas da cidade (Ex: Gandra ou zona da Vila Beatriz) também fazem parte dessas pechas.

    Queria aqui referir também na lentidão dos serviços dos CTT e na sua grande variedade de prestação de serviços…pois para além de só existir um balcão nesta cidade, as filas são diárias e intermináveis, para piorar a situação estes serviços têm uma máquina exterior de venda de selos, mas que está mais vezes fora de serviço do que ao serviço…isto faz com que se por ex: eu tiver que colocar um simples selo numa carta tenha de ir para uma fila extensa onde se paga luz, gás, tv, pensões, etc., etc.… Inadmissível nos nossos tempos.

    Outra instituição que está sempre superlotada e é quase impossível resolver um assunto sem se perder uma manhã ou tarde é a Caixa Geral de Depósitos,… um autêntico caos… para quando outra dependência???

    Por isto e por muito mais e porque vivo numa cidade com uma densidade populacional elevada deveriam concentrar e disponibilizar os meios em falta referenciados de acordo com essa mesma densidade mas isso infelizmente não acontece... ou melhor acontece aquando das campanhas eleitorais apenas como arma de arremesso entre partidos e como promessas para angariação de votos.

    Vamos continuar a assobiar para o ar… por muito mais tempo, caros autarcas???

    Por: Reinaldo Meireles

     

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.