Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 31-07-2019
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 20-12-2006

    SECÇÃO: Destaque


    Foto MANUEL VALDREZ
    Foto MANUEL VALDREZ
    CSE COMEMOROU O SEU NATAL

    O Jantar

    Decorreu no passado dia 15 de Dezembro o tradicional Jantar de Natal do Centro Social de Ermesinde que, mais uma vez, teve lugar no Salão Nobre da instituição.

    Com a sala repleta, entre dirigentes e trabalhadores, o Jantar deste ano apresentou várias novidades.

    Para além da disposição das mesas corresponder ao maior número de funcionários – já que o CSE continua a crescer em número de trabalhadores –, foram projectadas, durante o Jantar, imagens referentes, precisamente a vários aspectos do trabalho da instituição, nas suas diversas valências.

    Outra novidade foi o facto de o serviço de mesa ter sido assegurado por formandos do Centro de Formação do CSE, que dispensaram assim o recurso a qualquer empresa de catering.

    Momento alto do jantar foi a saudação de Natal do presidente da Direcção do CSE, Henrique Queirós Rodrigues, que assumiu desta vez, contornos especiais em virtude deste, por razões legais – limite do número de mandatos – não ir poder continuar à frente dos destinos desta IPSS, que projectou como uma das mais dinâmicas entre as iguais.

    Foto MANUEL VALDREZ
    Foto MANUEL VALDREZ
    Henrique Rodrigues fez uma referência aos dez anos que dedicou à causa do CSE, prometendo que, embora não na qualidade de director, estará sempre ao serviço do CSE, ao qual o ligam laços apertados no plano afectivo.

    O ainda presidente anunciou ainda a constituição de uma associação ligada ao Centro Social – e que virá na sequência do anterior projecto Ermesinde Cidade Aberta, de que aliás irá herdar o nome, e que terá como objectivo desenvolver e dar apoio aos jovens com dificuldades de integração e aos deficientes, numa perspectiva de educação artística e tecnológica.

    Finalmente, agradeceu o trabalho dos que, com ele, se retiram agora, pelos mesmos motivos.

    Augusta Moura, também da Direcção do CSE, usou ainda da palavra para agradecer, em particular, o trabalho desenvolvido pelo vice-presidente Abílio Vilas Boas.

    Uma trabalhadora, de origem brasileira, deu ainda o seu testemunho sobre a forma como se sente tão à vontade numa instituição que a acolheu tão bem.

    Por: AVE

     

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.