Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 30-06-2019
  • Edição Actual
  • Jornal Online
    Capa da Edição Ermesinde Desportivo Destaque

    foto
    Foto MÁRCIO CASTRO
    Bom começo de ano para o Ermesinde SC
    Afigurava-se muito complicado o primeiro jogo do Ermesinde SC no ano que agora dá os "primeiros passos". Pela frente os ermesindistas tinham - na 16ª jornada do Campeonato da Divisão de Honra da Associação de Futebol do Porto - o líder Lixa, equipa esta que ao contrário do que muita gente esperava viu-se e desejou-se para conseguir um empate a duas bolas ante um Ermesinde aguerrido e a praticar um bom futebol, coisa rara na presente época (!), e que tudo fez para ficar com os três pontos em disputa.
    No basquetebol as cadetes femininas do CPN garantiram um lugar na fase final do campeonato distrital e na fase regular do campeonato nacional da citada categoria.

    Arquivo: Edição de 10-01-2013

    foto
    Foto URSULA ZANGGER
    Tomada de posse dos órgãos sociais do CSE e reunião da Câmara
    Crescem de tom as críticas ao ultra-liberalismo e à tecnocracia
    Ontem, dia 9 de janeiro de 2013, tomaram posse os corpos sociais do Centro Social de Ermesinde, liderados mais uma vez por Henrique Queirós Rodrigues. A cerimónia, que contou com a presença de várias personalidades, entre elas o presidente da Câmara Municipal de Valongo, João Paulo Baltazar, o presidente da Junta de Freguesia de Ermesinde, Luís Ramalho, e o presidente da União Distrital das IPSS do porto, P. e José Lopes Baptista, viu o recém-empossado presidente da Direção do Centro Social de Ermesinde, defender os valores do trabalhos, dos direitos humanos e da família, colocando-se assim do lado dos que, como recentemente o fez Bento XVI, denunciou o papel nefasto do capitalismo financeiro e da tecnocracia.
    No dia seguinte, a 10 de janeiro, na reunião da Câmara Municipal de Valongo, foi a vez do presidente da Câmara, João Paulo Baltazar se colocar ao lado do presidente da Câmara Municipal de Cascais, Carlos Carreiras, no recente episódio que o opôs ao secretário de Estado Carlos Moedas a quem acusou de servilismo perante o FMI. João Paulo Baltazar defendeu então o primado da política sobre a técnica, acusando aqueles que governam sem se preocuparem com as pessoas.

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.