Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 31-12-2020
Jornal Online

Resultados da Pesquisa

Jornal Agenda Fórum
Critérios de Pesquisa
· Artigos do Autor: Luis Chambel
· Com o Critério: Todas as Palavras
· Data de Publicação: Todas as Edições

Efectue outra pesquisa

Páginas:
   <<   <    | 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66 | 67 | 68 | 69 | 70 | 71 | 72 | 73 | 74 | 75 | 76 | 77 | 78 | 79 | 80 | 81 | 82 | 83 | 84 | 85 | 86 | 87 | 88 | 89 | 90 | 91 | 92 | 93 | 94 | 95 | 96 | 97 | 98 | 99 | 100 | 101 | 102 | 103 | 104 | 105 | 106 | 107 | 108 | 109 | 110 |    >   >>   

649. O esplendor da América 07-11-2007 14:34:00
Harvey Pekar é um desajeitado a desenhar. Mas, simultaneamente, é o autor de uma das mais celebradas sagas da Banda Desenhada norte-americana e mundial. Ao invés de produzir mirabolantes histórias de super-heróis afadigados a salvar o mundo, Pekar dá-nos a conhecer as misérias de si próprio, no quotidiano mais realista e banal. Foi a isso mesmo que ele chamou “American Splendor”, uma ironia fina sobre o modo de vida do americano médio, chamemos-lhe assim. Não sabendo desenhar, Pekar pediu a vários desenhadores para darem vida às suas histórias. O primeiro foi um dos mais importantes artistas underground, Robert Crumb, e seguiram-se muitos mais, pela saga fora. O sucesso da obra de Pekar acabou mesmo por levá-lo ao Cinema e a ele, a mergulhar ainda mais fundo nas histórias da sua própria vida, como o álbum que dedicou à luta contra o seu próprio cancro. Mas também a falar, como neste “Another Day”, de que aqui vamos abordar, sobre temas tais como: por onde andará a gata, o problema no autoclismo, a chegada a casa tarde e a más horas da sua filha, etc., etc.. Mas Pekar fala também de política, como quando se insurge contra o centralismo do Estado.Another Day, editado nos EUA pela DC//Vertigo, é mais um álbum da saga American Splendor de Harvey P...

650. Maleitas da Cidade 07-11-2007 14:04:00
ESCADAS PERIGOSAS: Estas escadas, usadas por muitas pessoas que vão ao Edifício Faria Sampaio, por...

651. Rotary Club de Ermesinde homenageou o engenheiro Manuel Braga Lino 07-11-2007 13:48:00
Em jantar de homenagem realizado na já habitual Churrasqueira do Norte, o Rotary Club de Ermesinde, homenageou, na noite da passada segunda--feira, dia 22 de Outubro, o profissional Manuel Augusto Braga Lino (engenheiro). A cerimónia contou com a presença do presidente da edilidade valonguense, Fernando Melo.O Rotary Club de Ermesinde promoveu, na sua mais recente homenagem a um profissional, um jantar em h...

652. Uma das conferências... 07-11-2007 13:43:00
“Solidariedade Social e criação de Riqueza” era um dos temas propostos para o debate na Exposolidari...

653. O sector social apresenta-se 07-11-2007 13:39:00
Decorreu no Parque de Exposições de Paços de Ferreira, entre os dias 25 e 27 de Outubro, a Exposolidariedade, uma organização conjunta da UDIPSS-Porto (União Distrital das Instituições Particulares de Solidariedade Social) e da Mediaplus destinada a promover o intercâmbio intra e inter sectores, reforçar a identidade do Sector Social – em várias vertentes – e aumentar a sua qualificação através de diversas acções. Mais de 70 instituições estiveram representadas na Exposolidariedade, sobretudo na Área de Exposição de trabalhos, experiências e práticas sociais, tendo o certame contemplado também uma Área de Animação, com exibições de muitos dos participantes, e uma Área de Debate sobre um grande conjunto de questões pertinentes para o sector. Carvalho Guerra, académico de grande prestígio e o principal responsável pela fundação do Centro Regional do Porto da Universidade Católica, foi o comissário da Exposolidariedade.A ideia de que era preciso criar uma rampa de lançamento para «futuras iniciativas de contacto entre...

654. Maleitas da Cidade 17-10-2007 16:18:00
ESTACIONAMENTO ABUSIVO: Já aqui abordamos este assunto, esta é uma zona pedestre, e SÓ DEVIA PERMI...

655. José Luís Pinto actualiza para os rotários de Ermesinde processo Corrente Rio Leça 17-10-2007 15:49:00
O vereador José Luís Pinto, responsável no concelho pela pasta do Ambiente, foi o orador convidado pelo Rotary Club de Ermesinde para uma palestra sobre a requalificação do rio Leça, que decorreu na Churrasqueira de Ermesinde, local habitual dos encontros rotários, na noite do passado dia 1 de Outubro.Cumpridas as formalidades habituais do cerimonial rotário, sob a orientação do actual presidente do ...

656. Enfeitiçada por... um Pulitzer 17-10-2007 15:37:00
Carlos Trillo e Domingo Mandrafina assinam “Iguana”, obra na qual se retrata quer a brutalidade e a repressão da não tão imaginária como isso república das bananas La Colonia, através do relato da vida de um torcionário que acaba de ser morto, mas que ainda assusta – e de que maneira – todos aqueles que com ele se cruzaram e, ao mesmo tempo, a ambição de uma repórter norte-americana, enviada para, precisamente, contar a história daquele, e que sonha com o Prémio Pulitzer e a fama. De caminho, também ela é seduzida pel(a história d)o Iguana. Esta personagem cruel já tinha sido introduzida pela dupla argentina em “A Grande Farsa”, álbum que, em 1998, foi galardoada com o título de Melhor Álbum Estrangeiro no importantíssimo Festival de Banda Desenhada de Angoulême e que tinha já como palco de acção a república de La Colonia. “Iguana”, obra de 1999, foi editado em Portugal pela Vitamina BD Edições, em 2002, na sua colecção Mancha Negra, que divulgou em Portugal muitas das obras imperdíveis da produção da Banda Desenhada argentina.Agora que toda a gente discute o papel da imprensa enquanto voz do dono, sobretudo a propósito das q...

657. Elas fazem-no... a convite 03-10-2007 15:52:00
Editada por Daniel Maia, a revista ou fanzine “AllGirlz” pretendia «divulgar o trabalho de autoras portuguesas de Banda Desenhada, sejam estas iniciadas na matéria, semi-profissionais ou profissionais, desta área ou de outras ligadas às artes». Do primeiro número foram tirados 200 exemplares, e nele participaram (por ordem alfabética) Ana Biscaia, Ana Freitas, Andreia Rechena, Carla Pott, Cláudia Dias, Joana Lafuente, Joana Pereira, Joana Sobrinho, Rosa Baptista e Sara Mena Gomes. Alain Corbel assinou o guião da obra desenhada por Carla Pott, e Ricardo Silva assinou a meias o guião da de Sara Mena Gomes. Embora o projecto não tivesse sido de iniciativa feminina, a descoberta e divulgação de alguma produção feminina na área da Nona Arte pareceu interessante. O projecto pretendia afirmar-se fazendo editar três números por ano, mas Daniel Maia ficou um pouco aquém desse objectivo. Disso mesmo fala o editor na sua página dedicada ao projecto http://danielmaia.com/allgirlz.htm. Segundo o editor, a diversidade de propostas levou a separar bem o material entretanto recolhido, qu...

Registos 649 a 657 de 986

Páginas:
   <<   <    | 1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66 | 67 | 68 | 69 | 70 | 71 | 72 | 73 | 74 | 75 | 76 | 77 | 78 | 79 | 80 | 81 | 82 | 83 | 84 | 85 | 86 | 87 | 88 | 89 | 90 | 91 | 92 | 93 | 94 | 95 | 96 | 97 | 98 | 99 | 100 | 101 | 102 | 103 | 104 | 105 | 106 | 107 | 108 | 109 | 110 |    >   >>   

 

 

este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
© 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.