Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 20-07-2022
Jornal Online

Resultados da Pesquisa

Jornal Agenda Fórum
Critérios de Pesquisa
· Artigos do Autor: Jacinto Soares
· Com o Critério: Todas as Palavras
· Data de Publicação: Todas as Edições

Efectue outra pesquisa

Páginas:
   <<   <    | 1 | 2 | 3 |    >   >>   

1. As Vassouras e a Limpeza 30-04-2021 10:55:00
Já vimos, na edição anterior, diversos tipos de vassouras que eram usadas nos vários espaços da casa agrícola. Hoje, a concluirmos esta série de artigos, vamos falar de diferentes vassouras que eram usadas numa das divisões mais importantes da casa agrícola – a cozinha.Vassouras de Cozinha Antes de falarmos das vassouras e até de outros aspectos que lhe estão ligad...

2. A necessidade aguça o engenho 29-03-2021 13:58:00
Continuo a recordar algumas passagens de “Memórias da Nossa Gente”, mostrando como a necessidade, também aqui, aguçava o engenho. Hoje, lembro alguns artefactos e adornos feitos pelo artesão ermesindense Serafim Mechas, mas também os vários tipos de vassouras que aqui eram feitas, pelos “lavradores-artesãos” e usadas nas diferentes divisões das casas.A agricultura desapareceu em Ermesinde. É um facto. Os campos deram lugar a empreendimentos urbaníst...

3. Os materiais e a variedade de apetrechos 26-02-2021 10:37:00
Continuando a recordar uma ou outra passagem de “Memórias da Nossa Gente”, e depois de uma abordagem às artes e ofícios tradicionais, que tinham expressão em Ermesinde de outros tempos, comecei por falar nos jugos e cangas que adornavam as juntas de bois. Hoje vou tratar dos materiais em que eram feitos e da variedade de apetrechos.Vários são os modelos e as variedades existentes no nosso país, no que concerne aos jugos e cangas, ...

4. Artes e ofícios tradicionais 03-02-2021 10:53:00
Recordando “Memórias da Nossa Gente”, nesta edição, inicio uma abordagem às artes e ofícios tradicionais, que tinham expressão em Ermesinde de outros tempos. Hoje falaremos dos jugos e cangas que adornavam as juntas de bois.O facto de estarmos perante uma povoação rica, sob o ponto de vista agrícola, explica que muita da a...

5. O TEMPO NATALÍCIO 29-12-2020 13:55:00
Recordando “Memórias da Nossa Gente”, nesta edição, descrevo como se vivia o dia de Natal em Ermesinde, e como, nos dias seguintes, se utilizava o canto das Janeiras para dar as “boas festas” às pessoas e famílias amigas, em que se envolviam grupos mais ou menos espontâneos, bandas e associações.O Dia de Natal era considerado, como ainda hoje acontece na maior parte das aldeias do nosso país, c...

6. Medicina Popular (2.ª parte) 31-07-2020 10:35:00
Com o país e o mundo ainda consternados com a pandemia Covid19, achámos interessante continuar a partilhar com os leitores algumas formas de “medicina popular” utilizadas em Ermesinde doutros tempos. Depois de aqui termos tratado, na última edição, de algumas infusões e chás com várias virtudes, vamos falar hoje de Fortificantes e de outras misturas miraculosas.FORTIFICANTES Gemada de ovos - Várias gemas batidas, quase sempre misturadas com leite, serviam c...

7. Medicina Popular 29-06-2020 15:57:00
Num momento em que o país e o mundo andam ainda consternados com a pandemia Covid19, achámos interessante partilhar com os leitores algumas formas de “medicina popular” aqui utilizadas em tempos idos. À semelhança do que acontecia com outras comunidades neste país, o isolamento e muitas vezes a ignorância obrigaram as pessoas a encontrarem, aqui, elas próprias e à sua volta, a solução para os seus próprios problemas. São saberes adquiridos e aperfeiçoados ao longo de gerações, quase sempre escondendo uma explicação científica que, quantas vezes, evitaram a morte e debelaram males do corpo e da alma.É certo que à falta de soluções e poderes que a natureza que os rodeava, muitas vezes, não lhes podi...

8. Os Reiseiros (3.ª parte) 19-03-2020 12:12:00
Desde o tempo em que S. Lourenço de Asmes integrava o concelho da Maia, existiam os “Reseiros”. Uma manifestação teatral antiga, que teve como berço as terras da Maia. Na última edição debruçámo-nos sobre os reiseiros da Palmilheira e da Cancela. Hoje, retomamos com os do Alto de Vilar, acrescentando ainda um apontamento final sobre o reaparecimento dos reiseiros, na nossa cidade, já em finais da década de 1970, quando se pensou na construção da nova igreja matriz, recorrendo a esta tradição popular como forma de angariar fundos para a construção do novo templo.OS REISEIROS DO ALTO DE VILAR Os actores que integravam o grupo dos Reiseiros do Alto de Vilar, e...

9. Os Reiseiros (2.ª parte) 28-02-2020 11:02:00
Há quase dois séculos, quando S. Lourenço de Asmes ainda integrava o concelho da Maia, já se realizavam há muito os “Reseiros”. Uma manifestação teatral antiga, que teve como berço as terras da Maia e sobre a qual muito se tem escrito e investigado. Na última edição debruçámo-nos sobre a origem desta interessante prática cultural do povo maiato e falámos dos reiseiros da Cancela, que se realizavam nas casas agrícolas mais importantes dessa zona, nomeadamente na do «Caixa», do «Vicente» e algumas vezes na do «Caetano». Na presente edição, recordamos os reiseiros da Palmilheira e do Alto de Vilar, a que voltaremos no próximo número.OS REISEIROS DA PALMILHEIRA As «Reisadas» desta parte sul da cidade, comparativamente com as da C...

Registos 1 a 9 de 23

Páginas:
   <<   <    | 1 | 2 | 3 |    >   >>   

 

 

este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
© 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.