Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 25-06-2024
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 31-10-2023

    SECÇÃO: Local


    43.ª Sessão da Comunidade de Leitores da Rede Casas do Conhecimento

    MANUEL AUGUSTO DIAS FALOU TAMBÉM DO LIVRO "VALONGO NA PRIMEIRA REPÚBLICA"
    MANUEL AUGUSTO DIAS FALOU TAMBÉM DO LIVRO "VALONGO NA PRIMEIRA REPÚBLICA"
    No passado dia 18 de outubro decorreu mais uma sessão da Comunidade de Leitores da Rede Casas do Conhecimento, dinamizada pela Casa do Conhecimento de Valongo, em torno do livro “República e Democracia” com a participação do autor do concelho e diretor do nosso jornal, Manuel Augusto Dias.

    A convite da Biblioteca Municipal de Valongo o investigador de história local, ao longo de mais de uma hora, falou do livro “República e Democracia”, de vários autores, com que a Câmara de Miranda do Corvo (no distrito de Coimbra), terra do professor da Universidade de Coimbra, José Falcão, que muito fez pela divulgação dos princípios republicanos na “Cartilha do Povo”, comemorou o Centenário da República.

    A partir do conteúdo do livro, que publica textos de várias conferências de individualidades de primeira linha, no que toca ao conhecimento da República, Manuel Dias tratou de aspetos caros ao ideário republicano como sejam a cidadania e o laicismo do estado. Falou ainda da maçonaria e da República, demorando-se, depois, a contar, alguns pormenores da proclamação da República no município de Valongo, aludindo à publicação da sua autoria “Valongo na Primeira República”.

    O evento decorreu na Sala Oval da Casa do Conhecimento de Valongo, e nele participaram em rede, via zoom, um alargado número de pessoas ligadas à Universidade do Minho (Bibliotecas da UM) que é quem coordena a atividade e classificou esta sessão de excelente pela partilha de conhecimento sobre esta temática, e às Casas do Conhecimento de Valongo, Vila Verde, Boticas, Montalegre, Paredes de Coura e Fafe. Houve algumas questões, no fim, ao apresentador e também algumas partilhas de conhecimentos sobre figuras gradas da República, podendo concluir-se que a o movimento da implantação da República não se limitou à capital, antes teve grande dinâmica em todo o país, mesmo no interior rural.

    foto
    .

     

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: [email protected].