Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 31-03-2024
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 31-07-2023

    SECÇÃO: Local


    NOTICIAS DA AGORÁRTE/UNIVERSIDADE SÉNIOR DE ERMESINDE

    “Cante Norte” anima musicalmente a Feira do Livro no dia da abertura

    GRUPO CANTE NORTE
    GRUPO CANTE NORTE
    No dia 13 de julho, curiosamente o dia do 33.º aniversário da elevação de Ermesinde a cidade, arrancou no Parque Urbano Dr. Fernando Melo, a XXVIII edição da Feira do Livro do Concelho de Valongo.

    Como já aconteceu no ano 2022, houve uma parceria entre a Agorárte e A Voz de Ermesinde, que estiveram presentes com o mesmo stand conjunto, na Feira do Livro, junto ao Espaço Livro (os nossos agradecimentos aos sócios da Agorárte e ao nosso colaborador Manuel Fernandes que garantiram a presença de alguém no nosso stand, durante toda a Feira que se prolongou até 23 de julho, inclusive). Estiveram expostos exemplares de todos os números do nosso jornal já editados no ano 2023, e alguns livros à venda, de autores que estão ligados ao jornal e à Universidade Sénior de Ermesinde. Estiveram também disponíveis alguns desdobráveis da USE, com informações pertinentes para quem desejar frequentar a nossa Universidade Sénior.

    Do programa da Feira do Livro faz sempre parte a animação musical. Ora, logo no primeiro dia, foi dada a honra ao prestigiado grupo de cante alentejano da USE, que dá pelo nome de “CANTE NORTE” e que já é bem conhecido na cidade e no concelho, de ser o primeiro grupo musical a animar o evento. “Cante Norte” é coordenado pelo Professor Manuel Friães, que é também o seu fundador e pôde exibir-se a muito alto nível no palco principal da Feira, com a presença de bastante público e das autoridades autárquicas que, pouco tempo antes, haviam procedido solenemente à abertura da Feira do Livro de Valongo.

    ATUAÇÃO DOS JOGRAIS DO LEÇA
    ATUAÇÃO DOS JOGRAIS DO LEÇA

    ATUAÇÃO DOS JOGRAIS DO LEÇA

    No segundo dia da Feira do Livro (14 de julho), a Agorárte voltou a participar diretamente na programação do evento, com a atuação da nossa valência, “Jograis do Leça”.

    Foi certamente inspirado nessa personagem da lírica medieval do Jogral, o artista popular que saltava de feira em feira, para animar a multidão com as suas quadras que davam informação e cantavam estórias de escárnio e maldizer, e no rio Leça que aqui corre, que em 2015, o presidente e fundador desta Associação, Prof. Carlos Faria, assim denominou esta valência, que, desde então, juntou um conjunto de “diseurs” de poesia, que continuam apostados no desenvolvimento dessa arte.

    Os “Jograis do Leça” exploram a criação poética universal, mas com enfoque nos poetas portugueses, como se viu nesta exibição que, apesar do mau tempo, foi muito bem conseguida e agradou aos circunstantes, que bem os aplaudiram.

     

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: [email protected].