Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 31-03-2021
Jornal Online

SECÇÃO: Destaque


COVID-19 - Situação em Portugal, no Grande Porto e no mundo (dados de 20/03/2021)

A situação da pandemia em Portugal continua por caminhos de (alguma) tranquilidade. O número de Novos Doentes continua a baixar. O Número de Reprodução (mais conhecido por Fator de Transmissão), que é calculado semanalmente pela DGS, continua abaixo do valor 1 (presentemente tem o valor 0,84 para o Continente e 0,86 para todo o Território Nacional). E o Fator de Crescimento que eu próprio calculo diariamente, sobre os valores de Novos Casos ocorridos nos sete dias anteriores, também se encontra abaixo de valor de 1 (presentemente tem o valor de 0,97). Estes dois últimos índices, abaixo do valor 1, significam que a evolução da pandemia é no sentido da resolução. Lentamente tende a desaparecer. No entanto sabemos, por experiências anteriores dolorosas, que num instante tudo muda, pelo que não podemos facilitar. Ainda é demasiado cedo. Tudo isto ainda está muito frágil.

Observa-se no gráfico seguinte a evolução do número diário de Novos Casos. Em queda, como mostra a Linha de Tendência (a ponteado)

foto

O número de doentes internados acompanha a descida do número de Novos Casos, como é natural. Mas ainda são muitos doentes internados. Neste momento há registo de 764 doentes internados em Enfermaria e 170 em Unidades de Cuidados Intensivos. A título comparativo lembra-se que no dia 22 de fevereiro, o número de doentes internados em enfermaria era 3322 e em UCI era 627. Uma recuperação notável num mês. A tendência atual é decrescente.

foto

O mesmo se passa com o número de pessoas falecidas. Como o número de Novos Casos é cada vez menor, o número de falecimentos vai igualmente baixando. A título de exemplo, na presente data há registo de 8 pessoas falecidas, quando no dia 22 de fevereiro havia registo de 61 pessoas falecidas.

No Grande Porto a situação é idêntica – quebra geral do número de Novos Doentes, que se pode estudar pelo número acumulado de Novos Doentes verificados nos últimos 14 dias por 100.000 habitantes. No entanto, há alguns concelhos onde se verificou um aumento, embora ligeiro, do valor da incidência acumulada. E um desses concelhos é Valongo. Os outros são Maia, Paços de Ferreira, Paredes e Póvoa de Varzim. Nada de alarmante, mas tenhamos todos cuidados redobrados.

foto

Em termos europeus, Portugal recuperou dos números muito maus do último mês. O número acumulado de casos aumentou, porque outra coisa não seria de esperar. Mas não aumentou ao ritmo que tinha aumentado no mês anterior. Houve países que aumentaram bastante mais (França, Itália, Países Baixos e Suécia). O nosso desagradável confinamento teria de dar os seus frutos.

foto

Em termos de mortalidade por Covid-19, Portugal mantém o nada honroso terceiro lugar no painel escolhido. Mortes nunca são boas notícias. Mas pelo menos estamos como a maioria dos países do painel.

foto

Em resumo:

CONTINUE EM CASA. Continua a ser mais seguro

José Campos Garcia*

*Médico

 

 

este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
© 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.