Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 30-09-2020
Jornal Online

SECÇÃO: Local


Ermesinde festeja S. Lourenço e homenageia o seu pároco

foto
Por causa do tempo de pandemia que se vive desde março último a tradicional romaria de S. Lourenço, Padroeiro de Ermesinde, foi limitada à bonita decoração, com flores, dos andores e das imagens da Igreja Matriz, como é habitual em dias de festa e com a celebração do culto a S. Lourenço de Huesca que foi um mártir católico de meados do século III depois de Cristo, tempo em que o mundo mediterrânico era dominado por Roma.

A Missa da Festa foi presidida pelo pároco, Cónego João Peixoto, que contou com a presença de mais três Sacerdotes: José Augusto e Manuel Magalhães, ambos naturais de Ermesinde e João Monteiro, dos Missionários da Consolata, e dois diáconos: Adelino Carvalho e Arnaldo Azevedo. Também o Padre Vasco Soeiro esteve presente, na direção do coro, formado por elementos dos vários coros paroquiais, e o grupo instrumental era constituído por jovens da paróquia de Ermesinde, que tiveram uma brilhante atuação.

foto
Igualmente presentes estiveram as autarquias locais, Junta de Freguesia de Ermesinde e Câmara Municipal de Valongo, bem como os Bombeiros Voluntários de Ermesinde e a Comissão de Festas de S. Lourenço.

Mas tal como havia acontecido com a Procissão das Velas, na noite de 12 de maio, também agora a procissão conheceu uma grande alteração: a partir das 17 horas, o andor de São Lourenço percorreu as ruas do centro de Ermesinde em viatura dos Bombeiros Voluntários de Ermesinde, havendo aqui e ali algumas pessoas a assistir e outras assinalaram o momento de festa com a colocação de bonitas colchas às janelas e às varandas das suas casas. O Santo Padroeiro circulou, com o seu pároco, Cónego João Peixoto, pelas principais ruas da cidade, nomeadamente Rua D. António Castro Meireles, Rua da Igreja, Rua S. Lourenço, Rua Miguel Bombarda, até final, Travessa 5 de Outubro, Rua 5 de Outubro e Rua Rodrigues de Freitas.

Na Igreja todas as celebrações litúrgicas programadas foram sendo transmitidas através da Internet, via facebook e canal YouTube. O mesmo sucedeu com espetáculos virtuais e com o fogo-de-artifício.

foto

HOMENAGEM AO PÁROCO

No final da Missa da Festa a S. Lourenço, no domingo, dia 9 de agosto, os paroquianos ermesindenses surpreenderam o seu pároco, Cónego João Peixoto, com uma pequena homenagem, que pretendeu não deixar passar em branco os 40 anos de sacerdócio, e os seus 15 anos de pároco de Ermesinde.

João da Silva Peixoto nasceu em Freamunde (concelho de Paços de Ferreira) no dia 31 de janeiro de 1956 e foi ordenado na Sé do Porto, no dia 29 de junho de 1980, pelo Bispo D. António Ferreira Gomes.

Os vários movimentos da pastoral da Paróquia de Ermesinde, através dos seus representantes, gravaram uma pequena mensagem em vídeo, que foi projetada. Poucos instantes depois ser-lhe-ia oferecida uma pequena lembrança, um cálice em prata, oferta de todos os paroquianos.

O Cónego João Peixoto é também nosso colaborador e, por isso, “A Voz de Ermesinde” se associa, gostosamente, a esta homenagem dos seus paroquianos.

 

 

este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
© 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.