Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 30-09-2020
Jornal Online

SECÇÃO: Cultura


O TocAtocar grava o seu 1.º CD

foto
O “TocAtocar” é um dos grupos musicais da Associação Académica e Cultural de Ermesinde (AACE) que nasceu em 2003, tendo tido origem na escola de cavaquinhos da AACE. Este grupo bem conhecido em Ermesinde é, atualmente, constituído por 13 elementos: Carlos Costa (viola e solista, sendo também o Coordenador do grupo), Afonso Monteiro (flauta), Álvaro Machado (viola), Ana Maria Lima (bombo), António Manuel (bandolim), Hipólito Novais (viola), João Morgado (cavaquinho e solista), Jorge Cunha (cavaquinho), José Luís (cavaquinho), Luís Pacheco (cavaquinho), Luísa (solista), Manuel Friães (braguesa) e Mário (acordeão).

Com um instrumental variado tem-se dedicado, ao longo dos 17 anos que leva de existência, à divulgação de melodias retiradas do Cancioneiro Popular, que retratam as sonorizações tradicionais de várias regiões de Portugal.

O “TocAtocar” tem tido diversas atuações no norte do país e também na vizinha Galiza, convidado por autarquias locais, pelo INATEL e por diversas instituições de solidariedade social para animar as suas festas. Já organizou, promoveu e participou em vários encontros de música tradicional portuguesa. Também já passou pela televisão, tendo participado, em direto, no programa da RTP1, “Férias cá dentro”, gravado no INATEL de Entre-os-Rios, e, mais recentemente, na SIC, no passado dia 23 de agosto, quando encerrou no Parque Urbano em Ermesinde o programa “Olhá Festa” com Nuno Pereira e Joana Latino, que foi transmitido no “Jornal da Noite” desse penúltimo domingo de agosto, dedicado a Valongo e a Ermesinde, falando de biscoitos e de brinquedos. Também foi um grupo da AACE que abriu o mesmo programa à frente da Igreja Matriz de Valongo, “Sons com Bombos”.

Entretanto, o “TocAtocar” gravou o seu primeiro CD, que inclui as seguintes canções do seu reportório: “Plim, Plim”, “Esmeralda Verde”, “Fonte da Aldeia”, “Quero ir à Romaria”, “Rosa Daquela Roseira”, “Maneio”, “Ó Rosita”, “Menina Florentina”, “Não Quero que Vás à Monda”, “Balancé”, “Gota Serrana” e “Ó Zé”. O CD deste simpático e prestigiado grupo ermesindense de música tradicional portuguesa pode ser solicitado utilizando os contactos do grupo no seu perfil do facebook, mas também está à venda na Papelaria “Pim Pam Pum”, na Rua Ilha de S. Miguel, na Bela; na Papelaria “Cruzeiro”, na Rua D. António Castro Meireles; e no Restaurante “Atlântiko”, na Rua José Joaquim Ribeiro Teles.

 

 

este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
© 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.