Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 31-07-2020
Jornal Online

SECÇÃO: Educação


PÁGINA DAS ESCOLAS

Projeto “Aprender e Partilhar - para uma Escola mais Inclusiva e Inovadora

foto
O Projeto "Aprender e Partilhar - para uma Escola mais Inclusiva e Inovadora" do Agrupamento de Escolas de Ermesinde surgiu com a finalidade de dar resposta às necessidades identificadas no Plano de Desenvolvimento Europeu. Assim, este Projeto baseia-se em 4 áreas definidas:

- internacionalizar o Agrupamento;

- adotar uma abordagem inovadora relativamente à implementação de novos métodos e práticas pedagógicas e ao uso corrente das TIC, tendo em vista a redução das taxas de insucesso e de abandono escolar precoce;

- apostar na educação inclusiva, inter e multicultural, para que se possa criar nos alunos um sentimento de pertença a uma cultura comum, assente nos valores da democracia, da participação, do respeito mútuo, da tolerância e da igualdade;

- melhorar as boas práticas de gestão de topo e intermédia do Agrupamento.

O Projeto envolve a mobilidade de onze professores e funcionários, distribuídos por atividades de Job Shadowing e cursos estruturados para diferentes países Europeus. Decidimos apostar mais fortemente em atividades de job shadowing, enquanto modalidade de exploração direta, que nos permitirá observar o ambiente escolar, acompanhar o desenvolvimento de atividades letivas e de vivenciar o quotidiano dos parceiros; identificar as diferenças e semelhanças entre sistemas educativos, metodologias e práticas, bem como partilhar boas práticas entre os parceiros. Estas atividades permitirão ainda incrementar relacionamentos institucionais e profissionais, prevendo-se um grande impacto na internacionalização do Agrupamento.

Através das atividades de Job Shadowing e dos cursos estruturados pretende-se que os docentes:

- adquiram novas competências ao nível de métodos e de práticas pedagógicas inovadoras;

- promovam no AEE uma educação mais inclusiva e globalizante;

- adquiram novas técnicas para trabalhar em salas de aula heterogéneas, que favoreçam a inclusão das minorias a igualdade de oportunidades e que promovam a sua inclusão plena na comunidade e na sociedade;

- apliquem e desenvolvam metodologias de intervenção interdisciplinar, facilitadoras do processo de aprendizagem, da autonomia e da adaptação à escola;

- implementem ações potenciadoras da erradicação do preconceito, da xenofobia, do racismo e da diferença de género, pugnando pela inclusão plena de todos;

-conheçam novos métodos, estratégias e práticas de gestão de topo e intermédia e avaliem a sua aplicabilidade na realidade Portuguesa;

-contribuam para melhorar as boas práticas de gestão, tendo em vista uma liderança colaborativa, motivadora e transformacional.

- promovam o trabalho educativo em rede, assente em plataformas online (eTwinning entre outras);

- desenvolvam as suas competências linguísticas;

- adquiriam novas competências culturais e sociais;

- alarguem o seu conhecimento de outras realidades culturais e educativas;

Esperamos ainda um aumento dos níveis de motivação e satisfação e do trabalho colaborativo do pessoal docente e não docente.

Uma vertente importante deste Projeto diz respeito à sua disseminação a nível local, regional e internacional, tendo sido elaborado um plano de disseminação que envolve as diferentes fases do projeto.

Com a implementação deste Projeto esperamos contribuir significativamente para a melhoria dos resultados escolares dos alunos, tentando reduzir a taxa de insucesso, a taxa de abandono escolar precoce, bem como implementar uma educação mais inclusiva, criando um clima de Agrupamento ainda mais propício à aprendizagem e à convivência saudável.

foto
.

 

Outras Notícias

 

este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
© 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.