Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 30-09-2020
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 31-03-2018

    SECÇÃO: Destaque


    O Governador do Distrito 1970 visitou o Rotary Club de Ermesinde

    foto
    O Rotary Club de Ermesinde, presidido por Fernando Ferreira, esteve em festa no passado dia 26 de fevereiro, quando recebeu a visita oficial do Governador do Distrito 1970, Alberto Soares Carneiro.

    Para além de muitos dos membros do Rotary Club de Ermesinde e do Rotaract Club de Ermesinde estiveram também dirigentes rotários dos Clubes Rotary do Porto (Antas), Amarante, Vizela, Valongo e Paredes. Compareceram, também, o presidente da Junta de Freguesia de Ermesinde, João Morgado, a vice-presidente da Câmara de Valongo, Ana Maria Rodrigues, em representação da Junta de Freguesia de Alfena, Sérgio Pinto, e alguns convidados, nomeadamente o presidente da Direção do Centro Social de Ermesinde, Henrique Rodrigues, o presidente da Associação Académica e Cultural de Ermesinde, Constantino Moreira, o Comissário da PSP de Ermesinde e o Diretor de A Voz de Ermesinde.

    Esta reunião festiva seguiu o protocolo habitual. No momento dos discursos usaram da palavra vários dirigentes rotários, tendo partilhado todos a mesma alegria em participarem nesta confraternização, que ganhou uma emoção maior pela visita do Governador do Distrito, a que o Rotary Club de Ermesinde pertence.

    A visita oficial do Governador ao Rotary Club de Ermesinde foi aproveitada para uma reunião de trabalho com os membros do Clube, tendo havido ainda tempo para a visita de Alberto Soares Carneiro a duas importantes empresas da cidade: o "Grupo Conduril" e a "Calheiros Embalagens".

    Sérgio Pinto, da Junta de Freguesia de Alfena, referiu que não havendo naquela cidade qualquer Club Rotary, os alfenenses sentem o Rotary Club de Ermesinde, como o seu clube.

    Diogo Mourão, o presidente do Rotaract Club de Ermesinde recordou algumas das iniciativas do clube que dirige, nomeadamente a concessão de 6 bolsas de estudo a alunos de Ermesinde e Alfena, um sarau cultural e uma conferência a realizar brevemente.

    João Morgado, presidente da Junta de Freguesia de Ermesinde não esqueceu que uma vez rotário é sempre rotário e é nessa condição que se sente sempre que participa nestas reuniões. Aproveitou a oportunidade da vinda do Governador para lhe oferecer um livro que conta um pouco da história da Ermesinde.

    A vice-presidente da Câmara Municipal de Valongo, Ana Maria Rodrigues, agradeceu o convite e teve palavras de elogio para com a organização rotária que considerou merecedora de toda a consideração e reconhecimento por proporcionar bem-estar a quem mais precisa. Por isso, a Câmara de Valongo valoriza as parcerias com o Rotary Club de Ermesinde e pretende alargá-las na medida das suas disponibilidades, ao mesmo tempo que deseja ao Clube anfitrião que mantenha esta energia em prol do bem-estar dos nossos concidadãos.

    Fernando Ferreira, presidente do Rotary Club de Ermesinde, usou também da palavra começando por justificar o ambiente festivo com a visita do Governador para se debruçar depois sobre o movimento rotário a nível do planeta, lembrando que foi fundado em 1905 pelo advogado americano Paul Percy Harris (há 113 anos), tem mais de um milhão e duzentos mil membros e é a única ONG (Organização Não Governamental) na ONU. O Rotary Club de Ermesinde foi fundado em 5 de junho de 1986 e é um dos 35 mil que existem em todo o mundo. Lembrou aos presentes algumas das iniciativas do Club de Ermesinde, designadamente o Festival de Tunas, a organização de palestras e saraus culturais, a concessão de Bolsas aos alunos do ensino secundário, a recente homenagem ao Diretor da Escola Secundária de Ermesinde e destacou que a prova quádrupla assenta em valores que todos os rotários assumem.

    Encerrou a série de intervenções o governador do distrito 1970, Alberto Soares Carneiro, pondo em destaque o movimento rotário internacional, presente hoje em praticamente todos os países do mundo (200). Acerca dos valores dos rotários frisou as causas humanitárias, o desejo de espalhar o bem pelo mundo e a defesa da paz e da prevenção dos conflitos. Dirigindo-se aos jovens presentes informou que a através dos clubes rotary, que há em todo o mundo, podem fazer turismo com permuta de hospedagem em casa de rotários e podem, mesmo, aspirar a estágios profissionais e/ou até aos melhores empregos recorrendo à intermediação dos companheiros rotários. Referiu-se ao apoio que o Rotary dá a 100 bolseiros, para poderem prosseguir os seus estudos em universidades estrangeiras, num valor de cerca de cem mil dólares cada ano. Falando dos rotários disse que se trata de pessoas de confiança de valores que defendem a paz, a união entre os homens e também as causas ecológicas.

    A terminar referiu, ainda a propósito do ambiente e dos incêndios no último ano, que o Rotary vai patrocinar a plantação de 50 mil árvores no Pinhal de Leiria.

    Antes da despedida da festiva receção a Alberto Soares Carneiro, Governador do distrito 1970, houve tempo ainda para troca de prendas com o Rotary Club de Ermesinde, que está de parabéns pela forma rigorosa como organizou este evento. MAD

     

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.