Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 31-12-2021
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 17-01-2014

    SECÇÃO: Desporto


    FUTEBOL

    Valonguense põe fim a senda vitoriosa do vizinho Sobrado

    Foto UD VALONGUENSE
    Foto UD VALONGUENSE
    Foi sem dúvida o jogo de maior cartaz no último fim de semana (10 e 11 de janeiro) do escalão maior da Associação de Futebol do Porto, o mesmo será dizer, do Campeonato da Divisão de Elite. Referimo-nos ao dérbi do nosso concelho entre Valonguense e Sobrado (na imagem de cima) , disputado no Estádio do Calvário no passado sábado, referente à 17ª jornada da citada competição. Mais do que um dérbi este encontro era mais um teste de fogo para o conjunto sobradense, que lidera de forma destacada este campeonato – cujo vencedor, recorde-se, irá ascender ao Campeonato Nacional de Seniores da próxima temporada – e cuja senda vitoriosa durava há já sete jogos consecutivos. Do outro lado estava um Valonguense que vivia uma fase menos positiva da temporada, que como consequência havia atirado os encarnados para a segunda metade da tabela classificativa. Em relação ao encontro propriamente dito os poucos espetadores presentes no Calvário assistiram a um jogo muito disputado na zona do meio campo onde as oportunidades de golo foram quase uma raridade ao longo do primeiro tempo. Na etapa complementar o cenário alterou-se ligeiramente, com as duas equipas a arriscarem um pouco mais nas incursões às redes adversárias. Seria, no entanto, num lance infeliz de um jogador sobradense que o Valonguense iria conquistar os três pontos. Fabú introduziu o esférico na própria baliza e selou o resultado em 1-0 a favor dos locais. Apesar da derrota o Sobrado continua destacado na liderança, agora com 39 pontos, mais seis que o segundo colocado, o Pedras Rubras. Já o Valonguense ocupa a 12ª posição, com 21 pontos. As duas equipas alinharam da seguinte maneira:

    Valonguense: Beleza; Lino, Barbosa, Moreira, e Couto; Nito (João Alves, 51), Igor, e Vítor; Paiva (Vital, 85), Vasconcelos, (Nuno, 85), e Pedro Marques (Baba, 85). Treinador: Paulo Meneses.

    Sobrado: Castro; Carlos Pinto, André, Bruno Cruz (Sidon, 70), e Fabú; Pedrosa (João Oliveira, 63), Pedrito (Cláudio, 70), e Tozé; João Miguel, Fernandes, e Biscoito. Treinador: Manuel Pinheiro.

    ALFENENSE CONTINUA À ESPREITA DA SUBIDA...

    Na Série 1 do Campeonato Distrital da 1ª Divisão o Alfenense continua colado aos dois primeiros classificados, o que se significa que está muito próximo dos lugares de subida à Divisão de Honra da próxima época. A distância que separa os alfenenses dos primeiros classificados, que dão pelo nome de Balasar e Canelas 2010, é de apenas um ponto, isto é, o Alfenense tem por esta altura 31 pontos contra os 32 do duo de líderes. Na 15º jornada da prova – ocorrida no passado domingo – o os azuis de Alfena alcançaram no seu reduto uma merecida vitória sobre o Arcozelo por 2-1, resultado que traduz o domínio que os comandados de Juvenal Brandão evidenciaram ao longo dos 90 minutos. Os golos alfenenses foram da autoria de Rafael, aos 45 minutos, e Boni, jogador que havia entrado ao minuto 46, e que na primeira vez que tocou na bola foi para empurra-la para o fundo das redes contrárias, quando estavam decorridos 47 minutos.

    Ante o Arcozelo o Alfenense alinhou com a seguinte equipa: Rúben; Eduardo (Turé, 83), Francês, Décio, e Miguel; Micael (Ricardo, 83), Miranda (Boni, 46), e Anselmo; Dinis, Xavier (Rosário, 83), e Rafael (João Paulo, 68). Treinador: Juvenal Brandão.

    … ENQUANTO QUE SPORTING DE CAMPO

    ESTÁ À BEIRA DO PRECIPÍCIO

    Foto SCCAMPO
    Foto SCCAMPO

    Neste mesmo escalão, mas na Série 2, a outra equipa do concelho que nele compete, o Sporting de Campo (na imagem de baixo), vive um cenário oposto ao do Alfenense. Os mineiros ocupam os lugares mais baixos da tabela, estando por estes dias a apenas quatro pontos acima da “linha de água”. No último domingo a equipa orientada por José Cunha foi goleada por 5-1 na visita ao terreno do Nun' Álvares, em partida também referente à 15ª jornada, a última da primeira volta do campeonato. Foi um encontro sem história, dominado do principio ao fim pelo conjunto visitado. Tomé, aos 70 minutos, fez de grande penalidade o golo de honra do conjunto valonguense, que assim continua na antepenúltima posição (14º) com apenas 14 pontos somados.

    Em Recarei o Campo alinhou com: Tiago Cardoso, Nuno, Pastor, Tomé, e Bessa ( Maradona, 46); Sevilha, Fábio (Peneda, 48), e Palheira (Jardel, 46); Diogo (Matos, 46); Dias, e Barros. Treinador: José Cunha.

    Nota: Todos os resultados e classificações destas competições podem ser consultados na nossa edição on-line em “resultados desportivos”.

    Por: AVE

     

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.