Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 31-03-2021
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 10-07-2010

    SECÇÃO: Especial


    XVII FEIRA DO LIVRO DO CONCELHO DE VALONGO

    A hora dos mais novos

    Foto URSULA ZANGGER
    Foto URSULA ZANGGER
    Nem a intensa e desagradável aragem quente que passva pelo recinto da feira na tarde do dia 7 foi suficiente para eclipsar a alegria contagiante de aproximadamente meia centena de crianças que ali heroicamente se fixaram para presenciar o espectáculo infantil intitulado “As Cores da Feira”. Concebido pelo duo composto pelo palhaço Zé Barnabé e pelo seu inseparável e criativo – já veremos mais à frente porquê – amigo Mimo, esta “hora da brincadeira” teve como um ligeiro senão o facto de ter-se iniciado com alguns minutos de atraso, o que em circunstâncias normais até nem era nada digno de ser sequer mencionado, mas atendendo às condições climatéricas acabaria por se tornar num autêntico suplício para a pequenada.

    Os pais e educadoras de infância – entre esta meia centena de espectadores de palmo e meio encontravam-se alguns petizes provenientes de infantários da freguesia – iam fazendo o que podiam para acalmar os desesperados espectadores, que só respirariam de alívio quando a voz do super-divertido Zé Barnabé se fez ecoar na aparelhagem sonora do certame. As suas palhaçadas depressa fizeram desaparecer os sintomas de aborrecimento estampados minutos antes nos pequenos rostos, em especial aquelas que metiam truques com água... bem se percebe porquê, sempre dava para refrescar um pouco o ambiente. Menos espampanante que o seu companheiro de brincadeiras esteve o Mimo, digamos que de personalidade mais “silenciosa e gestual”, como o seu próprio nome de baptismo assim indicava, mas mesmo assim capaz de manter o espírito de alegria no seio da pequena grande audiência. Mimo que revelou dotes de artista no que toca à construção de objectos concepcionados a partir de balões, fazendo desta forma as delícias de todas as crianças que assim puderam levar para suas casas uma recordação desta quente mas deveras alegre tarde de Julho.

    Por: Miguel Barros

     

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.