Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 28-02-2021
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 10-09-2009

    SECÇÃO: Destaque


    A CAMPANHA ELEITORAL NO CONCELHO

    A revolução em Alfena

    ... e Tino de Rans não conseguiu arranjar assinaturas suficientes para a Assembleia Municipal

    foto
    Um inesperado volte-face na constituição da lista para a Câmara Municipal de Valongo da candidatura “A Vitória de Todos” (coligação PSD-CDS/PP), com a inclusão de Arnaldo Soares em lugar aparentemente elegível (o quarto) veio baralhar por completo o quadro de candidatos que tínhamos apresentado no número anterior de “A Voz de Ermesinde”, mas não fomos só nós, com base nas informações da própria candidatura, a ter que dar o dito por não dito. De facto, o próprio PSD, que já tinha nas ruas cartazes a promover a candidatura PSD/PP em Alfena, com a fotografia de Dário Teixeira em destaque, teve que vir, à pressa retirá-los, pois outra consequência da passagem de Arnaldo Soares para a lista da Câmara foi a desistência da candidatura do PSD em Alfena, que vai apoiar a candidatura dos Unidos, cuja liderança a nível da freguesia foi agora entregue a Rogério Palhau, um dos estrategas da candidatura independente a Alfena.

    Do ponto de vista eleitoral é difícil aquilatar as consequências destas alterações, mas estamos em crer que se pesarão de algum modo no eleitorado alheio ao PSD que apoiou os Unidos, pesarão muito pouco no eleitorado do próprio PSD, a força política organizacionalmente mais forte em Alfena, tanto mais que Arnaldo Soares tem feito questão de acompanhar muito de perto a campanha eleitoral dos Unidos.

    Desta situação derivou igualmente que o Partido Socialista que ponderava não apresentar candidatura própria na freguesia, apoiando a dos Unidos por Alfena em confronto com a do PSD, tivesse que voltar atrás, para apresentar finalmente uma candidatura à Assembleia (ou Junta) de Freguesia liderada pela independente Anabela Magalhães.

    E, de qualquer modo, é preciso não esquecer que, ainda recentemente, o Partido Socialista ganhou, em Alfena, as eleições para o Parlamento Europeu.

    Outra alteração relativamente ao quadro que apresentámos no número anterior de “A Voz de Ermesinde” (31 de Julho), é a desistência da candidatura à Assembleia Municipal por parte dos apoiantes de Tino de Rans. De facto, algumas irregularidades detectadas aquando da verificação das assinaturas fizeram com que o seu número descesse abaixo do mínimo estabelecido, inviabilizando a candidatura, situação que o próprio Tino de Rans desvaloriza, considerando até positivo a concentração dos esforços numa única candidatura – a liderada por si à Câmara Municipal (esta como apresentou um número maior de assinaturas ficou a salvo do percalço que “matou” a lista para a Assembleia).

    Finalmente, a última alteração ao quadro que apresentámos em Julho, no qual ainda não era conhecido o cabeça-de-lista do Bloco de Esquerda à Assembleia (ou Junta) de Freguesia de Sobrado, é precisamente a divulgação da liderança da lista a este órgão autárquico por parte do Bloco, e que cabe a Luísa Leite.

    Ficou assim completado o quadro das lideranças das listas de candidatos a todos os órgãos autárquicos no concelho de Valongo.

    AS LISTAS

    PARA A CÂMARA

    No próximo número de “A Voz de Ermesinde” daremos um maior destaque a este assunto – e à questão da campanha eleitoral para as Autárquicas, em geral, mas de qualquer modo, e sendo já conhecidas, apresentamos agora a constituição das listas para a Câmara Municipal, no que respeita aos nomes que as encabeçam nos cinco primeiros lugares, partindo do pressuposto que a eleição de cinco elementos será praticamente impossível para qualquer uma das lista em confronto.

    Sendo assim:

    BE: Eliseu Pinto Lopes, Eduardo Valdrez, Fátima Madureira, Fernando Barbosa, Diana Moreira.

    CDU: José Deolindo Caetano, José Viegas, Cláudia Ferreira, Faustino Barroso, Adelino Soares.

    Coragem de Mudar. Maria José Azevedo, Pedro Panzina, João Ruas, Maria Helena Vieira, Teresa Marques.

    PS: Afonso Lobão, José Luís Catarino, Luísa Oliveira, José Miranda, Neuza Benido.

    PSD-PP/CDS: Fernando Melo, João Paulo Baltazar, Maria Trindade Vale, Arnaldo Soares, Arménio Silva.

    Tino - Temos Terra, Somos Semente: Tino de Rans, Sofia Silva, Damiana Falcão, Manuel Carvalho, Marta Villares.

    Relativamente a outras novidades, uma das mais interessantes é o aparecimento de Américo Silva, actual tesoureiro da Junta de Freguesia de Ermesinde, no terceiro lugar da lista socialista para a Assembleia (Junta) de Freguesia de Ermesinde, sucedendo a Tavares Queijo e Esmeralda Carvalho e antecedendo Raul Santos.

    O afastamento de Américo Silva do PSD, do qual se desfiliou tem que ver, entre outras razões, com uma bem conhecida e pública, as suas divergências, de pensamento e de carácter, com Luís Ramalho, seu ex-correligionário – no actual mandato, quase a chegar ao fim, enquanto um é tesoureiro, o outro é secretário da Junta – e que foi o escolhido do PSD para liderar a candidatura à Junta de Ermesinde.

    Assim, curiosamente, a maioria dos membros eleitos pelo PSD para a actual Junta de Freguesia apoiam agora a candidatura do PS, liderada por Tavares Queijo (é o caso de Artur Pais, o actual presidente da Junta).

    Por: LC

     

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.