Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 30-11-2020
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 30-04-2008

    SECÇÃO: Desporto


    FUTEBOL - CAMPEONATO DISTRITAL DA DIVISÃO DE HONRA - 31ª JORNADA

    Novo desaire caseiro!

    Foto ARQUIVO MANUEL VALDREZ
    Foto ARQUIVO MANUEL VALDREZ
    Mais um desaire do Ermesinde Sport Clube no Estádio dos Sonhos, desta feita contra o Sousense, clube que se encontra classificado a meio da tabela da divisão de Honra da Associação de Futebol do Porto.

    O Ermesinde SC entrou para esta jornada, realizada no passado dia 27, já com a descida consumada.

    Entrou melhor no encontro a equipa do Sousense, que jogando um futebol rápido criava lances de ataque com muito perigo para a baliza defendida por Guimarães. A equipa da casa tentava reagir e aos poucos ia crescendo no terreno. Aos 10 minutos teve mesmo um golo anulado por alegado fora de jogo, de nada valendo os protestos ermesindistas num lance que suscitou muitas dúvidas.

    Na continuação da primeira parte insistiu, a espaços, a equipa do Ermesinde tentando aparecer, embora sem resultados práticos. O Sousense, por sua vez, com maior posse de bola ia tentando criar perigo junto da defesa do Ermesinde, mas sem grandes ocasiões para marcar. Ao intervalo registava-se ainda o nulo no marcador com ambas as equipas a jogarem “a meio gás”, denotando-se talvez alguma falta de motivação de ambas as partes.

    Digno de registo, já no findar dos primeiros 45 minutos, uma jogada de belo efeito do ataque do Ermesinde que nada deu muito por culpa do guardião Ivo que efectuou uma bela defesa a remate de Vieira impedindo a inauguração do marcador.

    Na etapa complementar, entrou novamente melhor a equipa forasteira que, decidida a levar de Ermesinde uma vitória, exerceu uma enorme pressão através de ataques constantes às redes do Ermesinde.

    Aos 50 minutos, o recém-entrado João rematou com força, obrigando Guimarães a impor-se através de uma defesa segura. Como resposta, a equipa da casa voltou a reaparecer no encontro com mais uma boa jogada, com princípio meio e fim, embora o remate protagonizado por Tiago tenha saído um pouco ao lado da baliza. Tomou conta da bola o Ermesinde nos minutos seguintes até que, numa falha da zona ofensiva, entregou a bola aos homens do Sousense. Estes não se fizeram rogados e num lance um pouco confuso Salvador marcou o primeiro para a equipa de Gondomar. Na sequência do lance, os jogadores do Ermesinde pediram fora de jogo e com os ânimos um tanto exaltados acabariam mesmo por ser penalizados com Hugo Martins e Gito a receberem o cartão amarelo e vermelho, respectivamente. Estavam decorridos 60 minutos da partida. Após a abertura do marcador, o Ermesinde tentou ir em busca da igualdade mas foi o Sousense a equipa que continuou a aparecer com maior perigo através de lances de contra-ataque onde os seus avançados perdoaram lances de golo feito.

    Através de um pontapé de canto o Ermesinde iria ainda estar perto do empate correspondendo Ivo com uma grande defesa a cabeceamento de Braga.

    O Sousense acabaria por marcar novamente na partida, aos 89 minutos, através de Paulinho que, cara a cara com Guimarães, logrou iludir o guarda-redes da casa fazendo a confirmação da vitória Sousense.

    Num jogo em que a equipa do Ermesinde demonstrou um grandes esforço, especialmente na segunda parte, acabaria por perder mais um jogo caseiro onde outro resultado, com um pouco mais de sorte, poderia ter sido possível. Tiago do Ermesinde foi talvez o jogador menos conformado com o rumo do jogo fazendo uma exibição a um bom nível. A arbitragem demonstrou alguns erros que podem ter sido cruciais para o resultado da partida.

    Por Luís Dias

     

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.