Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 31-03-2021
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 30-03-2006

    SECÇÃO: Informação


    24 de Março - Dia Mundial de Luta contr a Tuberculose

    Celebrou-se no passado dia 24 de Março o Dia Mundial de Luta contra a Tuberculose, doença endémica que actualmente atinge mais de 40 milhões de seres humanos no Terceiro Mundo e cerca de 6 500 em Portugal.

    Em 2005, foram notificados mais de 3 500 casos de tuberculose em Portugal, correspondendo a uma taxa de 34,5 por 100 000 habitantes, um número semelhante ao registo de alguns países em desenvolvimento e cerca de três vezes superior à média da região europeia considerada. Segundo os dados que dispomos, na distribuição demográfica da tuberculose por distritos, em 2004, a região do Grande Porto é a que regista uma taxa de incidência mais elevada, aproximadamente 58,0 por cem mil habitantes, seguindo-se a área da Grande Lisboa (46,8 p/100 mil); Setúbal (37,3 p/100 mil); Beja (37,2 p/100 mil); Braga (31,8 p/100 mil) e Aveiro (30,7 p/100 mil).No caso de Beja, é necessário ter em consideração que a densidade populacional é significativamente menor, daí apresentar uma taxa tão elevada. Pela positiva destacam-se Bragança (6,1 p/100 mil), Madeira (13,5 p/100 mil), Guarda (13,9 p/100 mil), Faro (14,7 p//100 mil), Leiria (13,5 p/100 mil) e Évora (15,3 p/100 mil).

    A taxa de incidência da tuberculose em Portugal continua a ser, desde há duas décadas, a mais elevada da Europa Ocidental, apesar de nos últimos anos se ter verificado um ligeiro decréscimo.

    TUBERCULOSE - UM PROBLEMA DIFÍCIL

    A EXIGIR MEDIDAS SIMPLES E EFICAZES

    A tuberculose (TB) é uma doença causada por uma bactéria, transmissível entre os humanos através de partículas lançadas para a atmosfera, espaços confinados, pelos doentes infecciosos.

    Ninguém está totalmente imune e as pessoas com infecção HIV são de longe as mais susceptíveis, vivendo com um risco 100 vezes superior de contrair doença. Habitualmente, o diagnóstico é fácil, exigindo testes simples e os antibióticos são altamente eficazes, se forem prescritos e tomados com rigor.

    Se as medidas de controlo não forem mais efectivas, a epidemia da tuberculose, à escala mundial, terá tendência para agravar, prevendo-se 200 milhões de novos casos e 35 milhões de mortes nos próximos 20 anos, num quadro de profundas assimetrias: 98% das mortes por tuberculose ocorre nos países subdesenvolvidos. O insucesso no controlo da doença deve-se essencialmente à falência dos serviços de saúde, à disseminação do HIV, à emergência da multirresistência e ao aumento da toxicodependência.

    A TUBERCULOSE NO MUNDO

    No quadro das doenças infecciosas, a tuberculose é a que provoca maior número de vítimas mortais.

    De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), a Tuberculose é responsável por três milhões de mortes por ano, afectando cerca de um terço da população mundial – dois biliões de pessoas –, com 8,8 milhões de novos casos registados anualmente.

    A OMS prevê que, nos próximos 20 anos, a epidemia alastre a 200 milhões de pessoas, o que corresponde a 35 milhões de mortes por ano. Os países subdesenvolvidos e em vias de desenvolvimento, sobretudo em África, América do Sul, Ásia e na Europa de Leste, são os mais atingidos.

    PRESENÇA DA ASSOCIAÇÃO MÃOS UNIDAS P.E DAMIÃO

    EM PORTUGAL E NO MUNDO

    Ao longo de 2005, a Associação Portuguesa de Solidariedade Mãos Unidas P.e Damião, também designada por Mãos Unidas P.e Damião – Portugal, apoiou mais de 100 projectos humanitários, sendo 32 projectos de luta contra a tuberculose, e 17 projectos lepra//tuberculose, a que chamamos projectos combinados.

    • Presença em quatro Continentes: África, Ásia, América, Europa.

    • Ajudamos 25 países:

    – África: Guiné-Bissau, Angola, Moçambique, S. Tomé, Gana, Zâmbia, Libéria, Egipto, Costa do Marfim, Guiné-Conakry e Nigéria.

    – Ásia: Índia, Sri-Lanka, Filipinas, Vietname, Mongólia, China, Timor e Nepal.

    – América: Brasil, Nicarágua, Haiti, Colômbia e Cuba.

    – Europa: Portugal.

    Em 2005 apoiámos:

    – 23 Projectos de Tratamento de Doentes de Tuberculose.

    – 26 Projectos Anti-lepra (leprosarias).

    – 12 Centros de Apoio Domiciliário aos Doentes de Sida.

    – 11 Orfanatos/Refeitórios e Centros de Acolhimento para Crianças Órfãs e da rua.

    – 6 Centros de Apoio a Refugiados e aos Sem Abrigo.

    – 8 Centros de Acolhimento para as Mulheres de Rua e Mães Solteiras.

    – 7 Centros Médicos/Postos de Saúde.

    – 13 Centros/Espaços para Deficientes.

    – 2 Projectos de Luta contra a Malária e Cólera.

    – 5 Projectos de ajuda às vítimas das catástrofes naturais.

    – 10 Projectos de Apoio aos Idosos e de Luta contra a Pobreza.

    – 1 Projecto de Ajuda às Vítimas da Febre Hemorrágica.

    A Associação Portuguesa de Solidariedade Mãos Unidas P. Damião é uma IPSS e uma ONGD, voltada para a cooperação e para o desenvolvimento sustentável, ajudando assim os “pobres mais pobres”.

    Neste contexto de Solidariedade e de emergência humanitária, convidamos todos os portugueses "a olharem sem medo para a tuberculose e para os tuberculosos, contribuindo generosamente para vencermos a batalha da tuberculose.

    Os donativos/ajuda, poderão ser efectuados mediante transferência bancária, para a conta bancária:

    – NIB: 0033 0000 0021 7312 981 05 do Millenium//BCP.

    Poderão ainda ser enviados por cheque ou vale postal para:

    – Associação Mãos Unidas P.e Damião

    Portugal – Apartado 1054

    Rua Gomes Freire, 211

    A/B – 1150-178 Lisboa

    Telefone: 21 351 57 20

    Fax: 21 351 57 27

    Site: www.maos-unidas.pt

    E-mail: geral@maos-unidas.pt.

    A Associação Mãos Unidas P. Damião procura, na linha da frente e na retaguarda, viver também esta grande experiência, tratando, curando e dando dignidade aos doentes de lepra e tuberculose.

    Por: Mário Nogueira (director da Associação Mãos Unidas P.e Damião)

     

    Outras Notícias

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.