Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 31-03-2018
Jornal Online

SECÇÃO: Editorial


foto

Cultura...

Por definição a palavra "cultura" deriva do termo latino "cultus", significando este a ação de cultivar as competências intelectuais do homem, o seu espírito. Ao longo dos tempos este conceito, como outros, foi evoluindo. No período do Iluminismo, o seu significado passou a estar associado à ideia de "progresso" e de "civilização".

Os valores culturais servem para identificar um povo e uma nação, unir os seus elementos, dar-lhes coesão na assunção coletiva de um projeto de prosperidade e desenvolvimento.

Efetivamente, o Homem não é só corpo, não é apenas realidade física, o Homem é também metafísico, valoriza necessidades de ordem espiritual, em que se podem incluir valores, tradições, crenças, princípios normativos, rituais e ideias.

É bem verdade que nas novas gerações, ou pelo menos em muitos dos seus elementos, parece notar--se um claro desprezo pelos valores e princípios que, no passado, mereciam o maior respeito de todos. Será apenas o confronto ideológico e comportamental intergeracional ou esta constatação alertará para algo de mais grave, a existência de gente sem norte, que não sabe de onde vem, onde está e para onde quer ir?

A edição de "A Voz de Ermesinde" deste mês dá destaque a uma das associações culturais da nossa cidade - a Ágorarte - a Associação Artística e Cultural, que festejou recentemente os 15 anos de existência há pouco completados.

O seu nome leva-nos, em pensamento, há 2 mil e 500 anos atrás, quando Atenas, atual capital da Grécia, tinha na sua Ágora, praça central da cidade, o principal centro de dinamismo cultural e político. Era aí, entre colunas e belas estátuas, de gosto clássico, que os filósofos e os políticos degladiavam argumentos, discutiam ideias e teorias, tomavam importantes decisões políticas sobre a sua cidade e os artistas expunham os seus melhores trabalhos. Foi aí que nasceu a nossa matriz cultural, assimilada mais tarde pelos romanos, que a impuseram nos seus domínios, a que a Península Ibérica pertenceu alguns séculos.

A Ágorarte é já uma referência na cidade pelas iniciativas culturais que vai promovendo em prol dos valores que caracterizam a nossa comunidade local e nacional.

Uma das suas valências com maior popularidade é, sem dúvida, a USE (Universidade Sénior de Ermesinde) que envolve, presentemente, mais de duas dezenas de professores, em regime de voluntariado, e ocupa o dia-a-dia de centena e meia de alunos seniores que, assim, demonstram a si próprios e aos outros que o saber é uma aptidão humana que está operacional em qualquer idade.

Outras valências da Ágorarte dão importância aos livros, à poesia, à música e ao teatro.

Esta instituição cultural de Ermesinde tem tomado outro tipo de iniciativas, em parceria com as autarquias e outras associações, abertas a todas as pessoas que as queiram frequentar, nomeadamente seminários, congressos, colóquios, semanas abertas e semanas académicas, que servem não só para oferecer mais momentos de cultura àqueles que dela queiram desfrutar, como dar-se a conhecer à cidade onde nasceu e desenvolve a sua atividade.

Um jornal, um livro ou uma revista são outros suportes de atividade cultural que importa manter e "cultivar" em prol da literacia que é indissociável da literatura e da cultura.

Por: Manuel Augusto Dias

 

Outras Notícias

 

este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
© 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.