Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 30-09-2019
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 07-12-2012

    SECÇÃO: Painel partidário


    Promiscuidade total entre a Câmara Municipal de Valongo e o PSD que paga mensagem institucional do PSD

    Os habitantes das freguesias de Campo e Sobrado, no Concelho de Valongo, foram esta semana "bombardeados" nas suas caixas de correio por um infomail municipal, assinado pelo Presidente da Câmara Municipal de Valongo, que publicamente assumiu durante a última sessão da Assembleia Municipal após denúncia do Partido Socialista, que a referida comunicação institucional, que não contém um único símbolo partidário, foi paga pelo PSD local, situação inacreditável e que demonstra bem a total promiscuidade entre a Câmara Municipal de Valongo e o PSD local.

    A gravidade desta situação é de tal ordem, que a Comissão Política Concelhia do Partido Socialista de Valongo já remeteu denúncias deste caso para a Entidade das Contas e Financiamentos Políticos, para os Procuradores-Gerais Adjuntos junto do Tribunal de Contas e para a Inspecção-Geral de Finanças, entidades que podem avaliar as diversas consequências legais de uma situação desta natureza, que para além de atentar contra legislação de financiamento partidário, viola seguramente legislação de âmbito contabilístico municipal, para além da falta de dimensão ética que prejudica objectivamente mais uma vez a imagem dos autarcas.

    O Partido Socialista de Valongo, solicitou igualmente esclarecimentos urgentes à associação local de Sobrado, Casa do Bugio, sobre a utilização abusiva da imagem mais emblemática das famosas Festas das Bugiadas e das Mouriscadas, imagem essa utilizada no conteúdo de um dos referidos infomails pagos pelo PSD Valongo, utilização que é a todos os títulos condenável, pois trata-se de uma manifestação popular, que ao povo pertence!

    O Partido Socialista de Valongo lamenta mais um episódio triste, protagonizado pelo futuro candidato do PSD à presidência da Câmara Municipal de Valongo, que preocupado exclusivamente com a sua imagem pessoal, designadamente junto das populações de Sobrado e Campo que estão ameaçadas pela lei de extinção de freguesias da responsabilidade do seu partido, envia-lhes uma mensagem política sem os símbolos do seu partido, paga com dinheiros do seu partido, mas utilizando abusivamente a imagem institucional do Município que nunca deveria ser objecto deste tipo de comportamento.

    De facto, o PSD já ultrapassou há muito o prazo de validade na Câmara Municipal de Valongo, e os Valonguenses quando chegar a hora saberão apontar com firmeza o caminho da rua!

    Valongo, 6 de Dezembro de 2012

    Comissão Política Concelhia do Partido Socialista de Valongo

     

    Outras Notícias

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.