Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 31-10-2019
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 15-04-2010

    SECÇÃO: Saúde


    Higiene oral

    A higiene oral consiste na remoção dos restos alimentares da cavidade oral, ou seja, dos dentes, das gengivas e da língua. Esta remoção dos alimentos é muito importante pois evita que seja criado um meio óptimo para as bactérias da cavidade oral começarem a sua acção – a cárie.

    Com uma correcta higiene oral conseguimos manter uma boa saúde oral e travar a progressão de muitas doenças que afectam as gengivas e os dentes.

    CUIDADOS

    GERAIS

    Não deve ser esquecido que a escovagem das gengivas e, só mais tarde, dos dentes começa nos primeiros meses de vida. É um hábito que deve ser ensinado e motivado pelos pais, pelos médicos dentistas e pelos professores, para que a criança aprenda a importância de tal rotina. Da mesma forma, pessoas desdentadas mas com prótese dentária devem higienizar tanto a cavidade oral como a(s) sua(s) prótese(s), de forma a mantê-la(s) em boas condições.

    Então como devemos realizar uma correcta higiene oral?

    Em primeiro lugar, nunca é demais relembrar que a escova dos dentes é um objecto pessoal e intransmissível e, que a quantidade de pasta dentífrica a colocar na escova deverá ser o equivalente ao tamanho de uma ervilha.

    RECOMENDAÇÕES

    E MOVIMENTOS

    É recomendado escovar os dentes pelo menos duas vezes por dia, após as refeições (+/- 30 min.), com uma escova dos dentes e com uma pasta dentífrica com flúor, por um período de 2/3 minutos. No fim, dever-se-á escovar a língua e passar o fio dental. Para a escovagem podem ser utilizados movimentos circulares ou de “vai-vem”, sendo que é necessário que todas as superfícies dos dentes sejam abrangidas. Ou seja, as superfícies superiores escovadas com movimentos de “vai-vem”, as superfícies interiores e exteriores com movimentos circulares ou de “vai-vem”.

    CUIDADOS

    COM AS PRÓTESES

    Nas pessoas com perda de dentes, quer total quer parcial, para além da higiene oral devem higienizar a(s) sua(s) prótese(s) dentária(s). A(s) prótese(s) deve(m) ser escovada(s) em todas as suas superfícies, com uma escova dos dentes ou uma escovinha das unhas, apenas usada para o efeito, juntamente com um pouco de sabonete neutro. No fim, deverão passás-la bem por água.

    CUIDADOS

    PARTICULARES

    NAS CRIANÇAS

    Nas crianças ainda sem dentição, deverá ser passada uma gaze ou até uma espécie de dedeira própria, à venda nas farmácias, em todas as superfícies da cavidade oral.

    Contudo, há que ter em atenção que uma escovagem de dentes incorrecta não só será ineficaz, como também poderá ser prejudicial, pois danifica os dentes e irrita as gengivas.

    Ao preservar a saúde dos seus dentes e gengivas vai preservar a sua saúde geral!

    Sorrisos felizes!

    Por: Maria Filipa Carvalho (*)

    (*) Médica dentista

     

    Outras Notícias

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.