Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 20-11-2017
Jornal Online

SECÇÃO: Desporto


NATAÇÃO

Nadadores do CPN medalhados no Campeonato da Europa de DSISO foram recebidos em festa pelo clube

foto
O CPN recebeu em festa os seus nadadores José Ribeiro e Carina Moreira, os quais ao serviço da seleção nacional conquistaram um total de oito medalhas no Campeonato da Europa de Natação DSISO (Down Syndrome International Swimming Organisation), competição que decorreu em Paris entre os passados dias 28 de outubro e 4 de novembro.

A cerimónia de receção e homenagem aos dois atletas decorreu ao final da tarde de 8 de novembro último, na piscina do emblema ermesindense, e para além de vários elementos ligados à equipa de natação adaptada cepeenista, contou ainda com a presença de dirigentes do CPN e do vereador de Desporto da Câmara Municipal de Valongo, Paulo Esteves Ferreira.

Recorde-se que José Ribeiro sagrou-se campeão da Europa nos 800m livres (estabelecendo nesta disciplina um novo recorde nacional) e nos 400m livres, alcançando ainda o segundo lugar (e consequentes medalhas de prata) nos 1500m livres (estabelecendo também nesta disciplina um novo recorde nacional) e na estafeta 4X100 metros livres. O mesmo atleta arrecadou ainda dois terceiros lugares, mais concretamente nos 200m livres e na estafeta 4X100m estilos, tendo ainda sido finalista na prova dos 200m costas.

Por sua vez, Carina Moreira foi vice-campeã da Europa na prova de estafetas 4X50m estilos e terceira classificada na estafeta 4X50m livres, tendo igualmente sido finalista na prova dos 200m mariposa.

Ainda antes dos dois atletas exibirem na piscina do CPN diante de numerosa assistência as medalhas conquistadas, o nosso jornal trocou algumas palavras com Ana Querido, treinadora da equipa de natação adaptada do clube de Ermesinde. Visivelmente orgulhosa e radiante pelo desempenho dos seus dois pupilos, a treinadora confessou que à partida para os Europeus as expectativas em relação ao desempenho de ambos os nadadores eram altas, mas na realidade acabaram até por ser superadas, sobretudo em relação a José Ribeiro que além de se ter sagrado campeão europeu em duas disciplinas distintas, acabou por se superar a ele próprio, «pois para além dos magníficos resultados que obteve, conquistando um total de seis medalhas, bateu dois recordes nacionais em provas complexas. Isso foi muito bom, porque melhorou imenso os tempos dele, principalmente nas provas de longa distância. Esperava que ele fizesse algo de bom, que fosse campeão da Europa em pelo menos uma prova, mas não esperava que fosse assim tão bom, conseguindo assim superar as expectativas inicias que eu tinha para ele. Já a Carina também esteve muito bem, tendo alcançado aquilo a que se propôs fazer», analisou Ana Querido que foi sempre acompanhando à distância a prestação dos seus nadadores.

A FELICIDADE E EMOÇÃO

DOS DOIS CAMPEÕES

foto
Tivemos ainda oportunidade de falar com os dois nadadores, após a sua entrada triunfal na piscina do CPN. Ostentando orgulhosamente ao peito as medalhas conquistadas em Paris, deram-nos conta da felicidade sentida não só na altura em que subiram ao pódio na capital francesa, mas também pela receção que tiveram em Ermesinde. Visivelmente emocionado, José Ribeiro confessou-nos que chorou em Paris assim que viu desde o lugar mais alto do pódio a bandeira portuguesa ser hasteada, enquanto que Carina Moreira frisou o facto de ter dado o seu máximo nas provas em que participou, dedicando estas vitórias à treinadora, Ana Querido.

Trocámos ainda breves palavras com Rui Moutinho, o presidente da Direção do CPN, que começou por referir que este êxito tem a ver com o grande esforço que o clube tem estado a fazer para promover a natação adaptada, salientando ainda o facto de estes sucessos terem sido alcançados numa altura em que a equipa de natação adaptada está integrada no clube há apenas um ano. «Demos um salto enorme em apenas um ano, e um Campeonato da Europa não se ganha sem esforço e efetivamente o trabalho que temos desenvolvido ao longo deste primeiro ano de natação adaptada está à vista com estes resultados». O presidente cepeenista aponta já ao futuro, lembrando que o Campeonato do Mundo da modalidade é já para o próximo ano, referindo nesse sentido que o CPN quer voltar a desempenhar um papel importante à semelhança do que aconteceu nos Europeus de Paris. No entanto, sublinha que «precisamos de mais apoios, pois sem apoios estes êxitos não possíveis de manter», referiu o dirigente em jeito de apelo lançado à autarquia valonguense, que ali se fez representar pelo seu vereador do Desporto, como já foi referido. Rui Moutinho desvendou ainda outro dos objetivos do CPN para a natação adaptada, que passa pelo envolvimento do clube com as escolas locais, sublinhando neste aspeto o facto de existirem muitas pessoas nas comunidades escolares com necessidades especiais que não têm para onde ir não só para praticar desporto mas, sobretudo, utilizar o desporto como um veículo terapêutico, como acontece com a natação. «Nós temos de dar esse complemento às escolas, queremos ir mais longe nesse aspeto, mas para isso precisamos de mais apoios», voltou a frisar Rui Moutinho.

VOTO DE LOUVOR NA CÂMARA

No dia seguinte a esta receção, na reunião pública do Executivo da Câmara Municipal de Valongo, o vereador do Desporto, Paulo Esteves Ferreira, usou o período de antes da Ordem do Dia para propor um voto de louvor a José Ribeiro e Carina Moreira pelos resultados alcançados nos Europeus de Paris. Proposta essa que seria aprovada por unanimidade.

Por: MB

 

 

este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
© 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.