Subscrever RSS Subscrever RSS
Edição de 31-05-2019
  • Edição Actual
  • Jornal Online

    Arquivo: Edição de 28-02-2011

    SECÇÃO: Desporto


    FUTEBOL

    Ermesinde continua a escorregar na tabela!

    Foto MANUEL VALDREZ
    Foto MANUEL VALDREZ
    A época da equipa principal do Ermesinde está praticamente feita, o mesmo será dizer que, por um ano mais o “assalto” à Divisão de Honra da Associação de Futebol do Porto foi falhado e o que resta agora é lutar por uma classificação digna na Série 2 do Campeonato Distrital da 1ª Divisão.

    Mas mesmo este último – e único – objectivo não se afigura tarefa fácil já que o combinado dos Sonhos continua a desiludir jornada após jornada e consequentemente a cair na tabela classificativa.

    Na última quinzena os pupilos de Vítor Leal somaram apenas um ponto em seis possíveis, desempenho que deu origem a uma descida até ao 8º lugar! Quinzena que até nem começou muito mal visto que na 25ª jornada (ocorrida a 20 de Fevereiro) os ermesindistas deslocaram-se ao difícil terreno do vizinho Sobrado de onde saíram com um precioso empate a uma bola.

    Uma partida onde a turma da nossa freguesia até esteve em vantagem no marcador, graças a um tento de Vinagre ao minuto 55. Contudo os sobradenses, uma das equipas sensação deste campeonato, chegariam à igualdade a 10 minutos do apito final, repetindo-se desta forma o resultado registado na primeira volta nos Sonhos. AVE

    NOVA

    DESILUSÃO

    CASEIRA

    Entretanto na bonita tarde de sol de 27 de Fevereiro o Ermesinde recebeu o Leverense (na imagem) em jogo da 26ª ronda tendo somado mais um desaire caseiro.

    Uma partida onde, na 1ª parte, os ermesindistas, sem se terem esforçado muito, dominaram os acontecimentos. Contudo seria a equipa visitante a inuagurar o marcador aos 7 minutos por intermédio de Joel, que de primeira, e na sequência de um pontapé de canto, enganou o guardião Erikson.

    Bem reagiu a equipa da casa que, logo aos 10 minutos, através de um cabeceamento de Guedes enviou a bola ao poste direito da baliza à guarda de Faria. Um minuto depois, Medeiros falha o remate, na pequena área, que podia valer o empate para a sua equipa. Seguiram-se quase 20 minutos de grande equilíbrio e sem qualquer jogada que mereça ser destacada. Próximo da meia hora de jogo os dianteiros do clube dos Sonhos não souberam aproveitar uma ocasião de baliza aberta e remataram ao lado.

    Até ao fim do 1º tempo Diogo ainda desperdiçou mais duas oportunidades, aos 38 e 44 minutos, não obtendo qualquer êxito. Jogando o tudo por tudo, o Ermesinde reatou o encontro com duas substituições de uma assentada. Paulo, um dos recém-entrados, aproveitou da melhor forma um cabeceamento de Delfim e já em cima da linha de golo confirmou, aos 50 minutos, o empate para a equipa da casa.

    Nove minutos volvidos, e porque a pressão da equipa visitada era grande, na pequena área o central Fernando efectuou um remate com intenções de aliviar a bola mas acabou por enfiá-la na sua própria baliza, permitindo desta forma virar o marcador a favor da turma da casa. Corria já o minuto 72 quando o Leverense, ao beneficiar de uma grande penalidade a castigar o braço de Delfim dentro da área, chegou ao empate por intermédio de Fernando, que assim se redimiu do auto-golo apontado.

    Mas o jogo continuou vivo até ao fim com os jogadores de ambas equipas a acreditarem que podiam vencer.

    Aos 83 minutos Joel aproveitou bem uma perdida do meio campo adversário pois quando se aproximou de Erikson enviou o esférico para o fundo das redes fazendo assim o 3-2 final para os visitantes. LUÍS DIAS

     

     

    este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu Este espaço pode ser seu
    © 2005 A Voz de Ermesinde - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital.
    Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.